26 C°

terça-feira, 22 de agosto de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

“Gugu” retorna ao vivo e aposta em entrevistas para emplacar na Record

segunda-feira, 20 de março 2017

Imprimir texto A- A+
TV Foco

TV Foco

Retorna ao vivo, a partir das 22h30 desta quarta (22), “Gugu”, programa de Gugu Liberato que entra em sua terceira temporada, todas as quartas-feiras, na Record. Para este ano, o apresentador revela que apostará ainda mais em entrevistas e histórias da vida real, que emocionem o espectador.

“Eu não chamaria as reportagens que exibimos de dramas. Contamos histórias reais, e todas elas com algum exemplo positivo de superação. O programa feito às quartas-feiras tem um perfil diferente do que fazíamos aos domingos [no SBT]. Há diferenças de público e horário. Nossos focos são, sempre, a alegria e a curiosidade”, destaca Gugu.

Logo no programa de estreia, uma dessas reportagens será uma homenagem a Hebe Camargo [1929-2012], que promete revelações exclusivas.

Além de um novo cenário, mais moderno e bonito, outra novidade é a presença da atriz, modelo e e ex-assistente de palco do próprio Gugu no “Domingo Legal”, Alessandra Scatena. “Sim, a Alessandra estará em algum momento do programa. Quando e como também é segredo”, despista.

Além das reportagens exclusivas, Gugu vai investir mais neste ano em atividades ao vivo. “Teremos mais atrações no palco e mais artistas ao vivo. Vamos moldar a atração de acordo com quem estiver conosco. Queremos variar e não ser repetitivos”, adianta.

Ciente de que precisa inovar para continuar com bons índices no ibope -a atração teve média anual de dez pontos nas edições anteriores-, Gugu diz estar habituado a fazer programas no meio da semana, mesmo com a concorrência do futebol da Globo.

“Acho toda experiência muito boa. As temporadas no meio da semana têm sido bem-sucedidas, tanto que já vamos para o terceiro ano. É claro que sempre haverá ajustes, estamos buscando melhorar. Mas estou muito feliz com o que venho construindo na Record”, analisa. “Somos vice-líderes, mas, mesmo que não fôssemos, o importante seria entregar um bom produto para o telespectador. A concorrência e a pluralidade de conteúdo beneficia quem está em casa. E isso é muito bom”, completa.

O diretor-geral do “Gugu”, Virgílio Abranches, projeta que a nova temporada será tão boa ou melhor do que as outras. “Sempre queremos que a nova leva de programas seja melhor do que a anterior. Buscamos aprimoramento. Às vezes, gastamos horas discutindo uma ideia. Este ano terá tudo de bom que os outros tiveram e mudanças em que apostaremos.”

Fonte: Folha Press

Mais conteúdo sobre:

Record Programa do Gugu Gugu

outros destaques >>

Facebook

Twitter