27 C°

sábado, 25 de março de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Estão abertas as inscrições para 17 cursos de pós-graduação da ENA e Unisc

sexta-feira, 03 de março 2017

Imprimir texto A- A+
Ilustração

Ilustração

Brasília – Estão abertas as inscrições para 17 cursos de pós-graduação em direito à distância oferecidas pela Escola Nacional de Advocacia em parceria com a Universidade de Santa Cruz do Sul.Aqueles que se inscreverem nos primeiros 30 dias receberão 25% de desconto na matrícula. Os cursos, em áreas diversas, serão ministrados ao longo de 2017. A OAB Nacional, por meio da ENA, e a Unisc mantêm convênio desde 2008.

Os cursos oferecidos pela ENA são à distância, possibilitando que alunos de todo o Brasil tenham acesso ao que de melhor há em suas áreas de interesse. Os professores são altamente qualificados e a dinâmica das aulas aposta em uma metodologia moderna e atual.

“Começamos o ano de 2017 reforçando nossa missão de levar ao levar aos advogados e estudantes do país cursos atuais e de extrema importância. Aumentamos nossa grade de 6 para 17 cursos. Manter-se atualizado é essencial na carreira jurídica”, afirma o diretor-geral da ENA, José Alberto Simonetti.

Os cursos oferecidos são: Advocacia Criminal; Advocacia Imobiliária, Urbanística, Registral e Notarial; Advocacia Penal Empresarial; Advocacia Trabalhista e Previdenciária; Direito Coletivo do Trabalho; Direito Contratual; e Direito das Famílias.

A pós-graduação também conta com cursos de Direito e Processo do Trabalho; Direito Eleitoral; Direito Empresarial; Direito Municipal; Direito Previdenciário; Direito Processual Civil; Direito Processual Constitucional; Direito Tributário; Mediação e Arbitragem; e Responsabilidade Civil.

Os alunos das pós oferecidas pela ENA têm acesso à biblioteca digital Thomson Reuters ProView, que reúne mais de 600 obras atualizadas. Para conhecer mais sobre cada curso, como valores, requisitos e descontos, acesse o site da Unisc.

Fonte: OAB

 

Mais conteúdo sobre:

Brasília OAB

outros destaques >>

Facebook

Twitter