28 C°

segunda-feira, 23 de outubro de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Hugo Gutierrez Simas (faleceu em 1941)

quinta-feira, 29 de dezembro 2016

Imprimir texto A- A+

Filho de Fernando Simas e Helena Gutierrez, Hugo Simas passou sua infância em Paranaguá onde se formou no primário. Cursou o médio e o superior no Rio de Janeiro, se formando em farmácia na Academia de Medicina do Rio de Janeiro e mais tarde. Sua intenção em se formar farmacêutico foi de ajudar seu pai nos negócios da família. Exerceu a profissão por 5 anos, quando posteriormente resolveu cursar direito na Faculdade de Direito do Rio de Janeiro.
Com grande habilidade para escrever, foi convidado para redigir o “Diário da Tarde” e o “Comércio do Paraná”. Ainda nesse interesse em escrever, fez mais de 18 obras literárias e juristas, chegando ao Centro de Letras do Paraná e na Academia Paranaense de Letras.

Foi escriturário da Estrada de Ferro Central do Brasil, preparador de historia natural no Internato do Colégio Pedro II; Promotor Público de Antonina, Palmeira e Rio Negro; lente de português e pedagogia da Escola Normal e de lógica, história da literatura, filosofia e história natural do Ginásio Paranaense, ambas casas educacionais de Curitiba; deputado ao Congresso Legislativo do Estado. No ano de 1921 mudou-se para o Rio de Janeiro, onde permaneceu alguns anos, exercendo o cargo de consultor jurídico do Lloyd Brasileiro ao mesmo tempo em que exercia a advocacia. Escreveu importantes livros dentro da área do Direito, entre eles o “Compêndio de Direito Marítimo Brasileiro” e “Código Brasileiro do Ar”.
De regresso ao Paraná prelecionou direito constitucional, enciclopédia jurídica, direito internacional e direito comercial na Universidade do Paraná (atual UFPR), a qual figurou entre os fundadores, junto com Victor Ferreira do Amaral, Nilo Cairo, Daltro Filho e outros.

Casou-se com Branca Guimarães Simas, falecida no Rio em 1977, com quem teve duas filhas. Faleceu em 27 de Outubro de 1941 no Rio de Janeiro, aos 58 anos, no cargo de Desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná. Foi um professor universitário e magistrado brasileiro, jornalista, escritor, formado em farmácia e em direito, tendo sido ministro público do Paraná e, posteriormente, desembargador do seu estado.

Fonte: Memorial
Ministério Público
do Paraná

outros destaques >>

Facebook

Twitter