terça-feira, 23 de outubro de 2018.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

IFCE estará na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

segunda-feira, 08 de outubro 2018

Imprimir texto A- A+

O desempenho na elaboração de um protótipo para o ensino de Física no Ensino Médio rendeu à estudante Jaciana Barbosa, do campus de Aracati do IFCE, um convite para participar da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, que será realizada entre os dias 15 e 18 de outubro em Brasília. Esta será a segunda ida da estudante à capital do país: em agosto, Jaciana e outras 40 meninas de diferentes estados participaram do Conecta IF, promovido pelo Instituto Federal de Brasília (IFB).

E foi no Desafio de Projetos, uma das atrações do evento, que elas criaram protótipos para o ensino de algumas disciplinas do Ensino Médio. O tema do desafio foi “Meninas na Ciência”, e o resultado alcançado pelas participantes motivou a criação de um projeto nacional com esse nome, já aprovado junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Mais uma vez, Jaciana será a única estudante a representar o Instituto Federal do Ceará em Brasília. “Eu estou muito ansiosa com essa segunda viagem, porque a responsabilidade vai ser ainda maior”, conta ela, que voltará ao Distrito Federal para aperfeiçoar o protótipo e ajudar a viabilizar o registro de patente para que estudantes de todo o país possam usufruir do material em sala de aula. “O que a minha equipe fez foi, em poucas horas, criar uma maquete automatizada que consegue demonstrar diferentes conceitos da física de forma prática”, explica Jaciana. “Então lá você encontra um carro que acelera a determinada velocidade, uma roda gigante e outras coisas comuns do nosso cotidiano”.

Na segunda fase do projeto Meninas na Ciência, 25 alunas da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica irão expor suas ideias para melhorar o ensino de Matemática, Física, Química e Biologia em escolas públicas de Ensino Médio. Toda a articulação para a volta das meninas a Brasília foi coordenada pela professora Luciana Massukado, Pró-reitora de Pesquisa e Inovação do IFB.

No e-mail enviado ao IFCE com o convite para Jaciana, ela informa que 14 meninas não estarão na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia por motivos diversos, que vão desde a saída do país para programas de intercâmbio até o período de colheita em algumas cidades. Ela também destaca o empenho de todas para que o grupo fosse reunido mais uma vez: além de se ajudarem no acolhimento das meninas que moram em cidades distantes, elas também procuraram passagens mais baratas para garantir que todas pudessem voltar a Brasília.

As despesas com a hospedagem e alimentação serão custeadas pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (Setec), cabendo ao CNPq o custeio das passagens aéreas.

Mais espaço para as mulheres na Ciência
A ida de uma aluna do campus de Aracati para Brasília é resultado das ações do projeto Divas, criado em 2015 pela professora Carina Oliveira com o objetivo de estimular a entrada e a permanência de meninas na área de Tecnologia, Inovação e Comunicações. As atividades ganharam destaque em todo o IFCE graças ao apoio da Pró-reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação (PRPI), que tem estimulado iniciativas semelhantes em outros campi e indicou o projeto Divas para participar do Conecta IF, em agosto deste ano.

“Eu torço para que essa nova experiência em âmbito nacional desenvolva ainda mais a autoestima da Jaciana e que ela, juntamente com outras meninas, sinta-se cada vez mais valorizada enquanto pesquisadora na Ciência e Tecnologia”, comemora a professora Carina.

Atualizado por Natasha Ribeiro
[email protected]
Fonte: IFCE

Mais conteúdo sobre:

IFCE Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter