quinta-feira, 27 de junho de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

A sociedade não é idiota!

Fernando Maia

Colunista - Política

domingo, 25 de novembro 2012

Imprimir texto A- A+

Em sua revolta contra as sentenças aplicadas pelos ministros do STF aos petistas, réus do “mensalão”, o deputado condenado João Paulo Cunha (PT), dispara um  desrespeitoso despropósito contra o destemido ministro Joaquim Barbosa, hoje presidente daquela Corte: “O  Joaquim Barbosa só chegou ao STF devido a compromisso do PT e do ex-presidente Lula com os negros!” Pelo visto, o mensaleiro Cunha, além de réu condenado, alimenta, como a maioria dos petistas, um ódio mortal por um negro que, pela sua grandeza, se encontra muito acima deles, e a quem eles não causam o menor medo. Em manifestação pública Zé Dirceu, julgando ser a sociedade brasileira um bando de idiotas, tenta convencê-la de que o seu julgamento não passou de um “linchamento”.

Quantas e quantas pessoas não já foram linchadas por muito menos do que atentar contra a democracia brasileira? O ex-presidente do PT,  José Genoíno, alimenta o sonho de levar multidões às ruas para protestar a favor dele, de Delúbio e de Dirceu, e o que é mais patético, pensando em levar as massas a exigirem a anulação do julgamento consumado pelo STF. Seria o caso de alguns petistas sensatos e equilibrados lembrarem a Genoíno que movimentos da magnitude das mobilizações, em defesa das “Diretas  Já”  e “Fora Collor”, foram únicos e de difícil reedição. Uma coisa é se exigir o direito do povo votar, ou lutar para livrar o País de um governante sacripanta. Outra coisa é querer reverter penas, que poderiam ao contrário, ter sido muito mais pesadas.

• Despesas. A prefeita Luizianne  dá ao triunvirato Elmano, secretário Cialdini e Alfredo Pessoa, a tarefa de prestar contas das dívidas da PFM, com o futuro prefeito.

• Oportunidade.   O senador cearense Eunício Oliveira poderá a ter chance para presidir o Senado. Fala-se que ele poderá ser vice do senador Renan Calheiros, futuro presidente, que poderá deixar o cargo, em 2014, para se candidatar ao governo de Alagoas.
• Orçamento. Os vereadores de Fortaleza  têm garantido 0,01% do Orçamento para projetos de seu interesse. E sem a POMF “mandar” em que aplicar esses recursos.

• Nem aí…
…para as dificuldades de quase todas as prefeituras do Ceará, a deputada Rachel Marques (PT), comandou audiência pública, na AL, por aumentos salariais.
  
• Vai ter mais. Promotores de Justiça advertem: o prefeito de Granja, Hélio Fontenele, não será o único a ser afastado por descaso administrativo. Tem mais gente na fila.

Exemplo
Para o deputado Danilo Forte (PMDB), a ação do TRE-CE, e do MP, afastando maus candidatos, é exemplo a ser seguido pelos demais TREs de todo o País.

•Sem maquiagem.
Na visão do deputado Raimundo Matos (PSDB-CE), o governo federal deveria usar de mais sinceridade, ao publicar os avanços das obras do PAC. Ou seja, mostrar obras já concluídas e não as que estão paradas ou quase parando.

• Sangria.  Produtores de leite apelam para que busque nas próximas reuniões do Agropacto, tentativa de deter a “sangria” diária de R$ 160 mil no setor.

• Sumindo.  A situação, que já é crítica no setor leiteiro do Ceará, poderá piorar. Sem poder  melhor alimentar as vacas, a produção leiteira está reduzida a 40%.
• Numa boa.   O secretário das Cidades, Camilo Santana, é tido, hoje, como “poule 10” para a Câmara dos Deputados em 2014. E com o apoio, dizem, do governador Cid.

• Compensação.  Camilo poderia muito bem ser, hoje, o prefeito eleito de Fortaleza, se não tivesse sido repelido pela sua correligionária Luizianne. 

•Jurando.  A prefeita Luizianne Lins assegura que vai entregar a Prefeitura sem dívidas ao prefeito Roberto Cláudio. Tem razões para isso: a PMF nunca arrecadou tanto.

•Positivo. A prometida reforma política, que não passará de minirreforma, traz pelo menos um ponto positivo: proíbe, temporariamente, a criação de novos partidos.

•Negativo. Apesar dessa medida, que seria ótima, a tal reforma vai permitir a troca de partido, sem nenhuma ameaça para os “traíras”, que adoram trocar de sigla…

Sinal…
…dos tempos? O presidente de Cuba, Raulzito, permitiu à empresa brasileira  Odebrecht implantar e gerir, ali, moderno projeto de produção de açúcar.

 

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter