segunda-feira, 19 de agosto de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Coçando o cotovelo

Macário Batista

Colunista - Política

quinta-feira, 17 de janeiro 2013

Imprimir texto A- A+

• Enquanto espero a hora do meu trem pra Washington, fico cofiando o bigode lendo os horrores por que passa a administração Roberto Cláudio, com um furacão desembestado soprando em seu derredor.

Vejo as declarações do promotor Ricardo Rocha e aí é que arrocha o nó. Diz o homem que é um rolo do tamanho do mundo o que ele está encontrando, ou já encontrou no tal do IDGS-Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Apoio à Gestão de Saúde da Prefeitura de Fortaleza.

As descobertas das operações chegam a R$ 80 milhões, mas, dizem, o rombo é bem maior que o esperado. A coisa se complica, quando os números se apresentam. O Portal da Transparência do TCM apresenta o primeiro repasse da Prefeitura de Fortaleza ao IDGS, em setembro de 2008.

Na evolução, segundo ainda o Portal da Transparência, a Prefeitura repassou, até julho do ano passado, R$ 228 milhões. Como as denúncias começaram a fluir contra as ações do IDGS, em 2010, fica estranho que só agora as coisas se aprofundem. Só no final do ano passado, o Ministério Público intensificou as investigações e ao cutucar o vespeiro, diz que encontrou indícios de sérias irregularidades.

Pelo sim, pelo não, a secretária Socorro Martins está com um pé atrás, discutindo se renova ou não os 10 contratos que o IDGS tem com a Secretaria de Saúde, que ela agora dirige. Fazendo um levantamento próprio ao qual se juntarão as informações colhidas pelo Ministério Público, Socorro Martins poderá dar a Roberto Cláudio, até o final do mês, o quadro que terá em mãos para tratar da saúde do povo de Fortaleza.

Enquanto isso, no PT o caldeirão ferve. Ninguém, nem o defensor intransigente da ex-prefeita, hoje nada, Antônio Carlos, atende às ligações da imprensa. Só um resolveu falar, e foi exatamente o líder do PT, na Câmara Federal, José Nobre Guimarães: – Me inclua fora disso. Não tomo conhecimento. Procurem a Luizianne, diz pensando que assim resolve o problema. Luizianne Lins consegue continuar sendo presidente do PT, sabe-se lá até quando.

• Sobre a mesa – Convite da Assembleia, assinado pelo presidente, dr. Sarto, para a posse da nova Mesa, dia primeiro de fevereiro, as oito e meia da manhã no auditório João Frederico.

• Hoje – O vice-cônsul honorário da Itália convida para as sete horas da noite, na Assembleia Legislativa, lançamento do projeto cultural Ceará-Itália Festival.

• Mais um – Quem também convida é o Presidente da Assembleia do Estado para a posse de Euvaldo Bringel Olinda, na Diretoria da Câmara Setorial de Fruticultura do Estado. Dia 5 do mês que vem.

• Manda o secretário – Quem vai dizer aos vereadores o que a Prefeitura de Fortaleza achou hoje o que foi feito, na administração passada é o secretário de Planejamento que leva a papelada debaixo do braço.

• Iria – Fosse só pra apresentar o programa de Governo para este ano até que Roberto Cláudio iria, o diabo é que tem malfeito demais e ele não quer dar notícia ruim. Manda o secretário.

• Nos últimos dias… – Padre Haroldo Coelho era torcedor do Ferroviário. Morreu semana passada. Valdemar Caracas era fundador do Ferroviário, morreu segunda-feira. Deus quer remontar o Ferrim no céu. Só pode.

• Preocupação sem sentido – Roberto Cláudio quer que população saiba que não foi ele quem reajustou a passagem. Besteira RC. Todo mundo sabe que foi a ex-Prefeita, hoje nada, quem arrumou a armadilha. Eu não perderia meu sono nem estragaria meu vinho.

Angústia
Ainda muito menino, Moésio Loiola tinha missões dadas pelo tio, monsenhor Sabino Loiola, então diretor da Rádio Educadora do Nordeste, da Diocese de Sobral. Moésio, calças curtas, era cobrador e, nas horas menos corridas, operador de áudio. O trabalho fez dele o homem que é, lapidando um caráter político que o fez decano da Assembleia do Estado sem cortes ou recortes. Acabou de assumir a Prefeitura de Campos Sales. Aquela alegria deu lugar à angústia, por ver tanta esculhambação no canto novo de trabalho.

• Dilma vem ao nordeste – A agenda, para o Ceará, prevê a inauguração da Barragem Figueiredo, no município de Alto Santo, região do Vale do Jaguaribe. Outra obra está na área do Pecém, a Zona de Processamento e Exportação (ZPE).

• R$ 110 milhões – A barragem tem capacidade de acúmulo de 520 milhões de metros cúbicos de água. A construção dessa barragem representa um investimento de cerca de R$ 110.000.000,00. É. Pode ser.

• Aí fica o idiota aqui pedindo educação – Material escolar – O Leão morde, fartamente, o material escolar que, nesta época do ano enlouquece e ataca o saldo bancário dos pais brasileiros: até mesmo uma simples caneta esferográfica, tem tributos incluídos de quase 50%. Mais: agenda e borracha, outros 43,19%; estojo para lápis, 40,33%; caderno, 34,99% e mochila, mais 39,62%.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter