sexta-feira, 20 de setembro de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Ontem, hoje e sempre

Macário Batista

Colunista - Política

terça-feira, 29 de janeiro 2013

Imprimir texto A- A+

• Em 1973, morador do Flamengo, na Cidade Maravilhosa, tinha um carrinho. Um Karmanguia vermelho. Fins de semana subia a serra, via Juiz de Fora pra ir a Congonhas do Campo, em Minas, pertinho de Ouro Preto, Lafaiete, BH e tal. Colava o carro na traseira de um daqueles enormes ônibus da Viação Cometa, seguia suas grandes lanternas e subia numa boa, ai de 100 pra 120. Um belo dia, ou uma bela noite, inventei de apressar o passo e, já perto de Juiz de Fora passei do Cometão e, pior, ultrapassei numa lombada de faixa dupla. Não andei um quilômetro e fui parado por uma viatura da Polícia Rodoviária Federal. Cumpridos todos os trâmites documentais, um patruleiro, negro, dois metros de altura devolve meus documentos depois de perguntar para onde eu estava indo. Respondi pronde ia e o que iria fazer; namorar. O moço então aplicou um direto no meu queixo: – É por causa de pressa como essa sua que muitas namoradas sofrem por terem perdido seus namorados. Cuide-se para ser recebido em festa em Congonhas. Boa viagem. Hoje, 40 anos depois, lhes juro que jamais em tempo algum, por maior que fosse a pressa ultrapassei numa lombada ou numa faixa dupla. O conselho, quase carinhoso carão nunca mais saiu da minha cabeça. Não sei se isso vale pra todo mundo, mas aprendi uma dura lição pro resto da vida. Não acredito em castigo como base pra educação. Não acredito na indústria da multa no transito de Fortaleza que está sendo renovada além de ampliada. Multar não educa, embrutece. É falta de estratégia inteligente encher a Cidade de semáforos e câmeras que fotografam e multam. É pobre, é indigência técnica o que está sendo feito.

• Sujeira – É lamentável o estado dos banheiros do Mercado São Sebastião. Pra entrar num, tem que ser cego e estar muito gripado não não sentir a catinga e ver a sujeira.

• Iinvasão – Tinha pra mais de mil ambulantes, no domingo, no entorno do Mercado Central. Invadiram tudo. Tinha gente fina vendendo camisa de malha com símbolos de Paris.

• Na Espanha – Bismarck Maia está na Espanha. Soube que teria ido convencer uma agência de viagem a se estabelecer no Ceará. As daqui que se ferrem.
• Aliás… – Falam a boca miúda que o sr. Bismarck, em questão, é candidato a deputado federal.  Tem mais gente do Governo Cid Gomes pensando a mesma coisa.

• Por sinal… – Artur Bruno seria agora candidato a deputado estadual. O federal do PT é sempre correto Acrísio Sena, um moço que merece respeito também pelo bom caráter que é.

• Regredindo – Não temos mais Sala Vip na área de embarque internacional do Aeroporto Pinto Martins. Dizem que estava dando prejuízo. A da ala nacional continua.

Em fevereiro teremos mais LUZ!
Sérvulo Esmeraldo contempla e planeja a montagem da exposição LUZ, que tem a curadoria de Dodora Guimarães, e será aberta ao público, em fevereiro, no Palácio da Abolição! Foto: Gentil Barreira.

“Jamais abuse de sua
sorte quando estiver ganhando.
As cartas às vezes viram”

de um observador da cena

• Negligência no tribunal – O Conselho Nacional de Justiça julga hoje, terça-feira, a conduta de dois juízes do Tribunal de Justiça Militar de Minas Gerais.

• Acusações – Eles são acusados de negligência na condução de processos, o que teria levado à prescrição de 110 ações criminais. Ah, se a moda sobe para o Nordeste.
• Porreta  – Foi digno de elogios o sistema de segurança armado para a reabertura do Estádio do Castelão no bairro Mata Galinha. Já a quantidade de público…

• Todo mundo lá – Tá tudo quanto é Prefeito do Ceará, em Brasília, desde ontem pra arrumar uma nesguinha e ver Dilma. Ver, porque arrumar alguma coisa com ela…sei, não.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter