quarta-feira, 26 de junho de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Procurando lugar pra trabalhar

Macário Batista

Colunista - Política

segunda-feira, 07 de janeiro 2013

Imprimir texto A- A+

Aquela casa velha, onde funcionou a vice-prefeitura de Fortaleza, será entregue ao dono, tão logo o aluguel seja pago. Aí, Gaudêncio Lucena vai ter que trabalhar num lugar digno da função que vai ocupar o que, ao que tudo indica, será aquele prédio, também alugado onde funcionou o gabinete da hoje nada além de ex-prefeita da Cidade, na Vila União. É que Gaudêncio Lucena, um trabalhador tipo pé-de-boi, precisa não só de espaço como de acomodações confortáveis, e ali isso existe. Gaudêncio Lucena receberá nestes dias a grande missão a ser entregue por Roberto Cláudio, o Cidadão Esperança; Coordenador das sete Regionais, que serão oito, quando uma delas, penso que a cinco, for desmembrada em duas. Os Prefeitinhos passarão a se reportar diretamente a Gaudêncio, ao invés de despachar com o chefe. Gaudêncio Lucena gosta do desafio e, como administrador que é, poderá se dar muito bem na missão.

• B.O. Um usuário da Cagece, que mora na Lagoa Redonda, alegando que foi tungado pela companhia de águas, foi ao Procon, da Assembleia, depois à Polícia registrar um BO.

• De 60 pra 2 mil. Acostumado a pagar algo em torno de R$ 60 reais de água por mês, foi surpreendido com uma conta de R$1.800,00 reais. Pagou a primeira. Na segunda, deu parte na Polícia. Faz sentido.

• Pernas pro ar. Adail Fontenele, o secretário todo-todo da Infraestrutura do Estado, aproveita que o chefe sai de férias e saiu também. Só volta ao batente dia 14. Ninguém é de ferro.

• Cuidados com a seca. Com medo que a estiagem se alargue, Cid Gomes antecipou a luta pela água pra Fortaleza.Mandou limpar e arrumar o Canal do Trabalhador que o irmão dele fez.

• Sifões novos. Os sifões, que ajudam a tirar água do Castanhão pro açude Curral Velho, em Morada Nova e daí pro Eixão das Águas foram licitados para uma ampliação.

Dramalhão no cadeado
É dramática, traumática, pra não dizer risível, a situação caótica da Prefeitura do Cedro. Quando o novo prefeito, dr.Nilson Diniz, entrou, dois dias depois de empossado só encontrou o buraco e a catinga. As portas estavam fechadas com cadeados que foram desativados porque ninguém foi entregar as chaves. Tudo foi registrado num Boletim de Ocorrência policial. Virou moda.

“Se é pra morrer de batida…
que seja de maracujá!”
Alguém observando a cena

•Falar nisso… A Estenge, uma empresa mineira que começou a construção do Açude Curral Velho, deveu tanto, mas deveu tanto em Morada Nova, que enganou até a verdureira. Depois fugiu.

• Mão dupla. Começou a obra de duplicação da CE-080, a Estruturante, entre Pecém e Paracuru. Se tudo der certo e um invernão não melar, estará pronta no meio 2014.

• Má pagadora. Agora que não é nada, e só ex-Prefeita de Fortaleza, dona Luizianne Lins diz que deixou superávit na Prefeitura. A ser verdade, motivos quais não pagou um mundo de aluguéis atrasados?
• Três anos . A antiga casa de morada do ex-deputado Otacílio Correia, perto do Aeroporto velho, alugada para a Secretaria de Saúde do Município, tem três de anos atraso.

• Ação de despejo. Pra vergonha da administração da que hoje não é nada, só ex-prefeita de Fortaleza, a viúva de Otacílio,dona Rosa, move, faz três meses, ação de despejo pra reaver o imóvel.

• Foi assim…
No começo do governo, que perdeu a eleição e saiu, a casa foi alugada para ser a Ouvidoria do Município. Aí a Ouvidoria saiu e botaram lá um posto de saúde da Vila União. Vão pra rua.

 

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter