segunda-feira, 19 de agosto de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

União “chupa-cabras”

Fernando Maia

Colunista - Política

segunda-feira, 03 de dezembro 2012

Imprimir texto A- A+

O Brasil vive, hoje, uma espécie de “remake” da História das Colonizações pelas monarquias da França, Espanha, Portugal e Inglaterra que engrandeceram, com a espoliação, esbulho e usurpação das riquezas das nações colonizadas, com o que os reis e cortesãos daqueles países viveram na ostentação e no luxo.  Esse modelo de exploração não é coisa do passado. Hoje, no Brasil, a própria União vem se comportando como autêntica sanguessuga de quase todos os estados. Segundo o secretário da Fazenda do Ceará, Mauro Filho, a se cumprirem alguns objetivos do Governo Federal em relação aos estados, inclusive o Ceará, as perdas serão incalculáveis. O Ceará não é o mais ameaçado. Com uma administração, que primou por ações arrojadas, aliado a uma gestão rigorosa do dinheiro público. Alerta Mauro: se a União insistir na redução do FPE, da energia e das alíquotas de exportação, só o Ceará perderá, em 2013, no mínimo R$ 1 bilhão. É um governo campeão de arrecadação, apoderando-se de quase todos os recursos arrecadados em todos os estados, em benefício principalmente dos estados ricos do Sul-Sudeste. Dado o equilíbrio do uso de empréstimos, o nosso Estado poderá, se quiser, contratar mais empréstimos, o equivalente até ao dobro da sua atual dívida. O que não ocorre com quase  20 outros estados. Diante desse quadro, justifica-se o empenho do governador Cid Gomes, em mobilizar os demais governadores para duras pressões, inclusive políticas, sobre o Planalto, para impedir que a maioria das unidades da Federação afunde no abismo da inadimplência e a pré-falência.

• É pouco. Petistas-lulistas do Ceará apoiam a recusa de Lula a seguir conselho do marqueteiro Santana, para se candidatar ao governo de São Paulo. É pouco para ele…       

• Sensatez. Embora continue citado para permanecer à frente da CMF, Acrísio Sena com a sensatez de sempre, afirma que não dando certo as negociações para a indicação do seu nome, não vê rejeições do PT ao vereador Elpídio Nogueira, do PSB.

• Disciplinado. O vereador Valim, admite pré-candidatura à sucessão de Acrísio, diz que só assumirá posição depois ouvir o presidente regional do PMDB, senador Eunício.

• Justiça. Entre os aliados, que concorreram para a vitória de Roberto Cláudio, há entendimento de que será justo dar uma boa compensação ao PDT municipal.

• Importância. Para o secretário do Turismo, Bismarck Maia, o apoio total do Governo do Estado foi decisivo para tornar Fortaleza o destino turístico mais desejado do Brasil.

• Até isto? Lula tem muito para se preocupar depois da notícia de que a “periguete” Rose Noronha, entre outras presepadas, alegava por aí ser a “namorada” dele…

Prefeitos tucanos
Segundo o presidente do Instituto Teotônio Vilela, Tasso Jereissati, o encontro de hoje, em Brasília, com 500 dos 700 prefeitos eleitos pelo PSDB, priorizará orientações aos gestores tucanos no sentido de que coloquem qualidade nas suas administrações.

• Educação. Afirma o senador José Pimentel (PT), que a presidente Dilma deverá reunir, em 2013, em Brasília, todos os prefeitos do País, para debater o Plano Nacional de Educação.

• Batalha. O objetivo da presidente Dilma, diz Pimentel, é cobrar de todos dedicação ao projeto mais arrojado e mais caro do Governo, visando dar qualidade à Educação.

• Não tem jeito… Como os partidos políticos não cumpriram o dever de retirar a “sujeira eleitoral” das ruas de Fortaleza, a PGE quer todos fazendo a “faxina” nesta semana.

• Controvérsia. Do Raimundo Matos (PSDB): “Em defesa dos ricos produtores, veta-se ajuda aos demais; para “desatolar” a Petrobras, são os demais que têm de “cair” com R$ 50 bi”.

• Graaaande ajuda! O PSD, do vivaldino Kassab, “ensina” como acabar com o “entulho” de partidos que emporcalham a política brasileira: estuda incorporar o PTN e o PSL.

• “Fechadura” tardia. Após a explosão do “Rosagate”, o “novo mensalão”, a presidente Dilma decidiu que todos os indicados para cargos importantes terão que passar pelo crivo da AGU.

• Até tu, PF.? Só agora se sabe que a invasão do Escritório do Governo, em São Paulo, na “Operação Porto Seguro”, teve forte oposição da “ala petista” da Polícia Federal.

Culpa muita
São a tal ponto arrasadoras as provas contra Zé Dirceu, no processo do mensalão, que até o ministro Fux, do STF, que teve a ajuda dele, disse ter ficado “estarrecido”.

 

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter