29 C°

terça-feira, 23 de Janeiro de 2018.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

As comidas e bebidas que todo mundo experimentou ou desejou em 2017

sexta-feira, 29 de dezembro 2017

Imprimir texto A- A+

Não podemos reclamar: 2017 foi um ano para nenhum estômago botar defeito. Dos gourmet aos adeptos da cozinha popular, não faltaram modinhas, descobertas e inovações para quem quisesse botar garfo, faca e taças em atividade.

Relembre 10 itens que fizeram todo mundo babar ao longo do ano.

Avocado, abacate e similares

Reprodução

São verdes, são saudáveis, são versáteis… são moda. Na febre das torradinhas fit à base da fruta, existe até um restaurante todo voltado para os pratos feitos com o avocado – o primo chique do nosso velho conhecido abacate.

Coxinhas “diferentonas”

Reprodução

Este patrimônio nacional já não é mais o mesmo. Para horror de alguns e alegria de outros, o salgado ganhou versões “bolo”, “ovo de Páscoa” e até recheada de miojo.

Poke

Reprodução

País tropical pede comida fresquinha e se o bom e velho japa já cansou, é a vez de se apaixonar pelo prato havaiano. Arroz, peixe cru, algas e até frutas entram na tigela que está conquistando quem já adorava o frescor nipônico ou os latinos ceviches.

Chocolate cor de rosa

Reprodução

Chocólatras, tremei! O “Rubis” será seu novo sonho de consumo. Apresentada em setembro, a novidade promete o doce com toques de frutas vermelhas – e tudo natural! Ninguém sabe quando ele estará em nossos bombons, mas já tivemos que separar nossos babadores.

Comida de sereia

Reprodução

Um dos destaques do Instagram-gourmet de 2017, as comidas e bebidas coloridas com espirulina em pó não são só de encher os olhos com tons azuis, roxos e verdes, como fazem bem para a saúde. O ingrediente rico em nutrientes é uma ótima desculpa para entrar de cabeça na modinha.

Comidas góticas

Reprodução

Não encontrava um menu de acordo com aquele seu jeitinho soturno ou as danças com a parede? Este ano, as “gotiquices” chegaram na cozinha, com sorvete, churros, e até salsicha em cinquenta tons de… preto.

Vinhos coloridos

Reprodução

Nunca na história da gastronomia pudemos contar com uma paleta tão variada nas cores da bebida. Agora a sede não para nos tintos e brancos. O rosé virou febre no verão do Hemisfério Norte, surgiu o azul e foram resgatados o verde e o laranja. Saúde!

Chá de Hibisco

Reprodução

Queridinho de quem busca a boa forma, a bebida também mexeu com a imaginação de quem não está lá tão preocupado com as propriedades saudáveis da flor. Misturado a bebidas como gim e pisco, o chá de hibisco deu muita graça aos bons drinques de 2017.

Cervejas leves nada óbvias

ReproduçãoA onda gourmet das cervejas vem de outros anos, mas este ano também tem despertado tendências. A leveza de álcool, com as Session, ou de corpo, com as lager artesanais, ganhou o ano de quem está descobrindo ou já é apaixonado pela bebida.

Fonte: UOL

Mais conteúdo sobre:

Comida Bebidas

outros destaques >>

Facebook

Twitter