26 C°

segunda-feira, 29 de maio de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Físicos vendem assinatura de malte e fermento para fazer cerveja em casa

segunda-feira, 06 de março 2017

Imprimir texto A- A+
Divulgação

Divulgação

A Lamas Brew Shop, de Campinas (93 km a noroeste de São Paulo), é uma rede com quatro lojas e um e-commerce que fornece equipamentos e ingredientes para fabricação de cervejas. Foi criada por três ex-alunos do Instituto de Física da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) que, há cerca de 20 anos, se uniram para fabricar as próprias cervejas. Em 2002, abriram a empresa.

Em 2016, faturou R$ 12 milhões e pretende aumentar esse número com o lançamento de um clube de assinatura para mestres cervejeiros e pessoas que desejam fabricar a bebida em casa.

Os kits serão enviados a cada dois meses, a partir de abril, e contemplam os ingredientes necessários para produzir cervejas de diferentes tipos, como malte, lúpulo e fermento. Os equipamentos, como panela com torneira, não estão incluídos. As assinaturas custam de R$ 79,90 (para produção de cinco litros) a R$ 149,90 (20 litros).

O cadastro para interessados já está aberto e conta com cerca de 500 nomes, segundo David Figueira, 36, um dos sócios. Ele diz que a procura até agora superou as expectativas.

“Nossa proposta com o clube é desenvolver a capacidade técnicas dos cervejeiros. São receitas inéditas, elaboradas por uma equipe de profissionais, com diferentes graus de dificuldade e explicadas detalhadamente num manual”, declara.

Assinantes concorrem a prêmio com suas bebidas
Os assinantes poderão enviar suas bebidas para avaliação e concorrer a um prêmio no fim do ano: quem conseguir a maior pontuação segundo critérios internacionais, ganhará um equipamento automático para fabricação de cerveja.

“O prêmio é uma forma de incentivar o envio das bebidas para avaliação. Achamos importante dar um retorno sobre o que está sendo ensinado, mas tem gente que tem vergonha”, declara Figueira.

A empresa vende também kits para iniciantes, a partir de R$ 400 (para produção de cinco litros, com todos os equipamentos necessários). Além da loja, eles atuam em outras frentes: importam produtos exclusivos, dão consultoria na montagem de cervejarias, fazem venda por atacado, dão cursos e pretendem abrir uma loja conceito em São Paulo ainda este semestre, com local para fabricação da bebida e bar.

Criar rede e fãs ajuda a consolidar a marca
Para Alberto Ajzental, professor de estratégia de negócios da FGV (Fundação Getúlio Vargas), o negócio de cerveja artesanal não é moda e veio para ficar. Ele diz que a empresa mira dois públicos diferentes: o cervejeiro profissional e o amador.

“O segmento profissional confere status e qualidade à marca deles. Montar uma rede de cervejeiros com o clube de assinatura é legal e importante, pois cria um grupo de aficionados, de amantes da marca. É a mesma estratégia usada pela Harley Davidson, por exemplo.”

Ele diz que o desafio da empresa é consolidar a marca e crescer como referência no segmento. “Eles precisam oferecer insumos diferenciados, de várias partes do mundo, e ser o principal canal de compras para esse negócio”, afirma.

Onde encontrar:
Lamas Brew Shop: http://loja.lamasbrewshop.com.br

Fonte: UOL

Mais conteúdo sobre:

cerveja Fermento

outros destaques >>

Facebook

Twitter