30 C°

quarta-feira, 20 de setembro de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Vendas de imóveis na Capital devem melhorar só em 2017

segunda-feira, 15 de agosto 2016

Imprimir texto A- A+

Para o Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci), a venda de imóveis em Fortaleza deve ser melhor só a partir do ano que vem. O diretor da entidade, empresário Armando Cavalcante, disse que, atualmente, o mercado continua morno e sem a temperatura necessária que é o crescimento. O empresário declarou que só acredita em crescimento do setor a partir do ano que vem. “O mercado de imóveis em Fortaleza, e no Brasil agora não é diferente, porque continua apenas estável, ou seja, não aumentou e não diminuiu”, disse.

Para fazer a defesa dos negócios dessa área, o diretor aponta que os corretores de imóveis do Brasil já têm uma frente parlamentar no Congresso Nacional que sempre luta por melhoras do setor junto ao Governo Federal, inclusive tentando disponibilizar recursos para o crescimento. E o Cofeci programou encontro com a bancada.

Para participar desse encontro, Cavalcante viajou a Brasília, justificando que o contato é para tratar dos assuntos do interesse da categoria, principalmente na mudança da lei para que ela seja atualizada para que se adéque ao mercado moderno da corretagem de imóveis em todo o Brasil. “Hoje, a lei que rege a nossa categoria ela está um tanto quanto obsoleta em relação a determinados assuntos e, por isso, precisando de mudanças”, lamenta. Ele acrescenta que a mudança mais importante é sobre a avaliação de imóveis, e que o setor é credenciado a fazer essa avaliação, “mas a mudança é para uma nova atualização”. (Com informações de Tarcísio Colares)

outros destaques >>

Facebook

Twitter