sábado, 25 de maio de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Dicas para cair na folia com o pet e aproveitar o melhor do carnaval

segunda-feira, 11 de fevereiro 2019

Imprimir texto A- A+

É chegado o carnaval e o momento agora é de festas e muitos bloquinhos de rua. Sem preocupação, podemos levar nossos pets para aproveitar a folia se seguirmos algumas regrinhas básicas, protegendo a saúde e bem-estar deles. O veterinário Jorge Morais, da rede Animal Place, dá seis dicas para aproveitar esses momentos com segurança. Veja abaixo:

Reprodução

– Hidrate o animal com água constantemente

Ande com vasilhame e água potável, oferecendo sempre que possível para evitar a desidratação pelo calor.

– Escolha os horários mais frescos 

Evite andar com o pet em horários em que as temperaturas estão mais altas, entre 12h e 15h, visto que o calor pode queimar as patinhas do bicho no asfalto ou gerar hipertermia.

– Passe protetor solar

Cães e outros pets também desenvolvem câncer de pele e sofrem com queimaduras por exposição solar. Compre um produto específico para animais e espalhe principalmente nas orelhas, focinho e costas.

– Guia adequada e identificação na coleira

A guia é a segurança do tutor para evitar que o animal se perca ou se machuque em locais movimentados. O melhor modelo é aquele que deixa o pet mais confortável, assim como a placa de identificação, que deve conter nome e telefone do dono.

– Fantasia na medida certa

Se planejou uma fantasia ou adereço para o seu pet, certifique-se que a mesma seja confortável e não cause nenhum incômodo. Glitter e tintas não devem ser usados, pois podem gerar reação alérgica.

– Atenção redobrada

Fique atento ao comportamento do animal. Muitas vezes eles não se sentem confortáveis em ambientes movimentados e com música alta. Sintomas ou reações adversas podem identificar um problema e ajudar a prevenir outros.

E para aqueles que preferem passar o feriado longe da folia, o Dr. Morais ainda recomenda que os tutores tenham os mesmo cuidados com seus bichos, evitando qualquer risco que possa estragar os dias de folga.

Atualizado por Natasha Ribeiro
natasha@oestadoce.com.br
Fonte: Ass. de Imprensa

Mais conteúdo sobre:

Cuidados Carnaval Folia Pets

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter