quarta-feira, 19 de dezembro de 2018.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Cataratas do Iguaçu: um destino para ver e rever

sexta-feira, 28 de setembro 2018

Imprimir texto A- A+

Considerada a melhor atração turística do Brasil pelo TripAdvisor e a único ponto turístico brasileiro a ser incluído do Guia de Viagem da Revista Forbes, as Cataratas do Iguaçu são um dos principais destinos dos viajantes de todo mundo. Suas deslumbrantes 275 quedas d’água encantam pela sua força e imponência, num cenário único no mundo, que recebeu o título de uma das “Sete Maravilhas da Natureza”. Algumas dicas e curiosidades para aproveitar melhor este destino:

Reprodução

Escolha a localização do hotel de acordo com seus objetivos. Ficar no Centro de Foz do Iguaçu pode ser prático pois há mais opções de restaurantes e vida noturna. Na Avenida das Cataratas, caminho do Parque Nacional do Iguaçu, há hotéis com excelente estrutura e resorts temáticos. A cidade tem muitas opções de hotéis e pousadas. Quase todos os hotéis têm bons serviços de traslados e pegar um táxi é bem fácil, inclusive para quem está mais afastado do Centro;

Reserve de um a dois dias para desbravar o Parque Nacional do Iguaçu, percorra suas trilhas e passarelas. Aproveite o calor e aproveite para tomar aquela brisa d’água bem próximo das Cataratas do Iguaçu. Aproveite o passeio para se refrescar. O parque funciona todos os dias para visitação, das 9h às 17h;

Se estiver próximo ao horário de almoço, não deixe de experimentar a gastronomia regional do Restaurante Porto Canoas e almoce contemplando as quedas d’água. Se o dia estiver corrido e mais passeios na programação, há lanchonetes e cafés nas áreas de visitação turística dentro do parque;

O fluxo recorde de água, oficialmente registrado nas Cataratas do Iguaçu, aconteceu em 9 de julho de 2014. Foram 46,3 milhões de litros por segundo, cerca de 30 vezes acima da média normal;

No verão, as Cataratas do Iguaçu ficam com volume de água maior. No entanto, no inverno, é possível ver as quedas d’água com mais definição.

Atualizado por Natasha Ribeiro
[email protected]
Fonte: Ass. de Imprensa

Mais conteúdo sobre:

Viagem Cataratas do Iguaçu

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter