sábado, 17 de agosto de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Engraçado ou agressão? Saiba como estrangeiros se xingam ao redor do mundo

quarta-feira, 16 de dezembro 2015

Imprimir texto A- A+

turistas estrangeiros

Cada país do mundo tem seu idioma, culinária e costumes próprios. E diversas nações ao redor do globo também desenvolveram expressões bem particulares para insultar alguém.

Recentemente, o site de busca de passagens aéreas Just The Flight montou um infográfico em que mostra como são os insultos usados por pessoas em vários cantos do planeta. O trabalho compilou xingamentos extremamente engraçados e outros nem tanto.

Abaixo, veja (e aprenda) algumas das expressões reunidas pelo Just The Flight e, em uma viagem por algum dos países mencionados, tente evitar ser alvo delas.

insulto-franca-1450272240232_615x300

Irlanda e França
Quando um irlandês quer dizer que alguém é inútil, a seguinte expressão pode ser usada: “essa pessoa é espessa como adubo, mas só tem metade de sua utilidade”. Já na França, caso você não saiba falar muito bem a língua local, é possível que ouça de algum nativo: “você fala francês como uma vaca espanhola”.

insultos-espanha-e-alemanha-1450270732574_615x300

Espanha e Alemanha
“Você é tão feio que é capaz de fazer um cebola chorar”, dizem os espanhóis quando querem insultar (ou brincar) com os atributos físicos de seu interlocutor. Já os alemães dizem “ele/ela é alguém que faz sexo no escuro”, quando também tentam dizer que alguém é não é nada bonito.

insulto-bulgaria-1450271837780_615x300

Bulgária e Escócia
Muitos búlgaros usam um insulto um tanto inocente (e bem engraçado) para desqualificar os atributos físicos de seu interlocutor: “você é feio como uma salada”. Já na Escócia, fique ligado se alguém te chamar de “glaikit”, gíria em gaélico que significa “estúpido”.

insulto-somalia-1450275892419_615x300

Somália e Rússia
“Vai dizer isso pro seu jumento”, dizem alguns habitantes da Somália para pessoas que gostam de falar coisas desagradáveis. A expressão tem sentido: dificilmente o burro escuta seu dono. Já os russos dizem “dá para afiar um machado na cabeça dele(a)” quando se referem a pessoas teimosas.

insultos-servia-1450271696829_615x300

Sérvia e Inglaterra
Os sérvios usam um insulto bem minucioso quando estão bravos com alguém: “que sua esposa dê à luz uma centopeia para que você tenha que trabalhar durante toda sua vida para comprar sapatos”. Já alguns ingleses dizem “ela tem a cara parecida com um saco cheio de chaves de parafuso”, quando querem falar, nada educadamente, que alguma mulher é muito feia.

insulto-china-1450272120284_615x300

Coreia do Sul e China
Os sul-coreanos têm uma expressão que parece fofa, mas não é: “gae saeki”, que se traduz para o português como “cachorro bebê”. No país asiático, chamar alguém de “cachorro bebê” não significa que a pessoa é bonita como um filhotinho, mas que ela é filha de uma prostituta. Já na China, pode ficar bravo se alguém te comparar com o número 250: ela está querendo dizendo que você só usa um quarto do seu cérebro (e, por isso, não é lá muito inteligente).

insultos-china-1450271225956_615x300

China e Hungria
Os chineses, principalmente os que falam cantonês, têm outra expressão curiosa: “você tem cabeça de cobra e olhos de rato”. Se ouvir isso de algum nativo na China, saiba que a pessoa não confia nada em você. Já “beka sege alatte” pode ser traduzido, do complicado idioma falado na Hungria, como “você está sob o traseiro de um sapo”. Os húngaros falam isso quando querem dizer que seu interlocutor é ignorante.

Fonte: UOL

 

Mais conteúdo sobre:

Estrangeiros Expressões

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter