domingo, 14 de outubro de 2018.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Após campanha ruim, Caé Cunha deixa comando do Floresta

quarta-feira, 10 de outubro 2018

Imprimir texto A- A+

A campanha irregular e muito abaixo da expectativa do Floresta na Taça Fares Lopes gerará uma reformulação no clube. A primeira mudança no Verdão da Vila Manoel Sátiro foi a saída do técnico Caé Cunha. O comandante deixou o clube em comum acordo com a diretoria alviverde após a eliminação da equipe na competição estadual. A frente do time, Caé disputou sete partidas oficiais, obtendo uma vitória, quatro empates e duas derrotas.
A direção do Floresta agradeceu ao treinador pelos serviços prestados ao clube e desejou sucesso na sequência da carreira. O clube agora trabalha em busca de um novo nome para comandar a equipe na temporada 2019. Por enquanto, o comando fica a cargo do interino Raimundo Wagner que, até a chegada do novo técnico, ficará à frente do elenco, que trabalhará com os jogadores que possuem contrato até a próxima temporada, casos de Magno Alves e Robert.
Seis atletas nascidos em 1999, com idade sub-20, retornarão provisoriamente para as categorias de base, onde disputarão a Copa Seromo Sub-20. Exceção são o volante Kalyel e o atacante Veraldo, que continuarão a treinar com profissionais. O objetivo do Alviverde é já pensar em uma pré-temporada mais elaborada para as disputas do próximo ano.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter