terça-feira, 23 de outubro de 2018.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Messi chorou como um bebê após derrota na Copa América, diz preparador

sexta-feira, 14 de setembro 2018

Imprimir texto A- A+

A derrota na final da Copa América Centenário de 2016 foi a mais dolorida para Lionel Messi. De acordo com Elvio Paolorosso, preparador do técnico Tatá Martino na época, o atacante ficou inconsolado horas depois da perda do título nos pênaltis para o Chile -Messi foi um dos que desperdiçou sua cobrança.

Reprodução

“O vestiário depois da derrota foi muito triste, mas o pior aconteceu depois. Lá pelas 2h da manhã, fui ao vestiário e encontrei Leo, sozinho, completamente sozinho, chorando como um bebê que tinha perdido a mãe”, afirmou Paolorosso ao jornal “Marca”.

A derrota na final da Copa América Centenário de 2016 foi a mais dolorida para Lionel Messi. De acordo com Elvio Paolorosso, preparador do técnico Tatá Martino na época, o atacante ficou inconsolado horas depois da perda do título nos pênaltis para o Chile – Messi foi um dos que desperdiçou sua cobrança.

“O vestiário depois da derrota foi muito triste, mas o pior aconteceu depois. Lá pelas 2h da manhã, fui ao vestiário e encontrei Leo, sozinho, completamente sozinho, chorando como um bebê que tinha perdido a mãe”, afirmou Paolorosso ao jornal “Marca”.

Atualizado por Natasha Ribeiro
[email protected]
Fonte: Folhapress

Mais conteúdo sobre:

Messi Copa América

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter