28 C°

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Navio atraiu visitantes no fim de semana

segunda-feira, 17 de julho 2017

Imprimir texto A- A+

A Fragata Constituição atracou, no Porto do Mucuripe, em Fortaleza, e ficou disponível para visitação no fim de semana. O público teve acesso gratuito e guiado pela embarcação, das 14h30 às 17h30. A Constituição (F-42) é um navio de guerra da classe “Niterói”. Ele entrou para o serviço da Marinha brasileira em 1978. Com 129,5 metros de comprimento e deslocando 3.750 toneladas, a F-42 está armada com mísseis Exocet (para abater alvos de superfície) e Aspide (para alvos aéreos), além três canhões e dois lançadores de torpedos e foguetes.

A curiosidade em conhecer o navio levou centenas de visitantes ao Porto do Mucuripe e provocou longas filas. O técnico em Segurança do Trabalho, Gerson Albuquerque, 45, afirmou que a embarcação é impressionante e imponente. “A visita foi enriquecedora, apesar da demora em conseguir o acesso ao navio. Muitas pessoas vieram e tivemos que aguardar muito tempo na fila para conseguir entrar, mas valeu a pena. Conhecer um navio de guerra foi uma grande experiência”, afirmou o visitante.

Escala
Na capital cearense, o navio de guerra fez escala logística em sua viagem de volta ao Brasil, após ter representado o país nas comemorações do Centenário da 1ª Guerra Mundial, na cidade de Brest, na França.
Comandada pelo capitão Neyder Camillo de Barros, a Fragata conta com uma tripulação atual de 236 militares, sendo 31 oficiais e 205 praças. Ao deixar Fortaleza, hoje, a embarcação prosseguirá viagem para Niterói, no Rio de Janeiro, seu porto sede, com chegada prevista 23 de julho, após mais de dois meses no mar.

outros destaques >>

Facebook

Twitter