terça-feira, 17 de setembro de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

John Bercow renuncia Câmara no Reino Unido

terça-feira, 10 de setembro 2019

Imprimir texto A- A+

John Bercow, presidente da Câmara dos Comuns do Reino Unido, anunciou sua renúncia, nessa segunda-feira, após 10 anos no cargo. Em pronunciamento perante os deputados, Bercow afirmou que renunciará se o parlamento convocar novas eleições para a noite desta segunda ou então, caso a votação não ocorra, até 31 de outubro. Em suma, qualquer que seja o cenário, Bercow renunciará.

Minutos antes do pronunciamento, a rainha Elizabeth 2ª havia aprovado a lei que impede o primeiro-ministro Boris Johnson de tirar o país da União Europeia sem um acordo de saída. A sanção da Coroa era a última etapa que faltava para que o projeto tivesse validade.

O consentimento real foi anunciado na câmara alta do parlamento, a Câmara dos Lordes. A lei, feita às pressas pelos deputados na última semana, buscou driblar a manobra do premiê, que fechará o Parlamento por cinco semanas desde ontem. John Bercow assumiu a presidência da Câmara dos Comuns em 2009, sendo o primeiro parlamentar judeu na história a exercer esse cargo. Como manda a tradição do Parlamento britânico, o presidente da Casa é obrigado a abandonar sua filiação partidária e observar neutralidade em questões políticas ao ser eleito.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter