Mundo
Terça-feira, 09 de Julho de 2013
FMI revê previsão de crescimento do Brasil para este ano e 2014

O Fundo Monetário Internacional (FMI) reviu para baixo a previsão de crescimento do Brasil que, em 2013, ficaria em 2,5%, acelerando para 3,2% em 2014, uma revisão de 0,5 e 0,8 pontos, respectivamente. Pela atualização do World Economic Outlook, divulgado hoje (9), o crescimento em 2013 representa uma melhoria considerada elevada em comparação ao 0,9% registrado em 2012.

A revisão em baixa da previsão de crescimento da economia não afeta apenas o Brasil, mas sim todos os integrantes do Brics - Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul - em decorrência dos problemas na procura interna e diminuição do investimento externo.

O FMI demonstra pessimismo sobre a recuperação da economia mundial, esperando menor crescimento em nível global devido às expectativas de recessão na zona do euro, que reúne 28 países, e de abrandamento no crescimento das economias emergentes.

Pela previsão da entidade, a economia mundial deve crescer 3,1% do Produto Interno Bruto (PIB) este ano e 3,8% em 2014, menos 0,2 ponto percentual que o previsto em abril, e espera também que a zona do euro tenha uma recessão mais profunda este ano.

O FMI alerta para as ameaças de novos riscos ao crescimento econômico, em nível mundial, tais como um crescimento mais fraco nos mercados emergentes e quebra do volume de crédito devido à restrição dos estímulos por parte da Reserva Federal norte-americana.

DA REDAÇÃO DO ESTADO ONLINE
online@oestadoce.com.br
Fonte: Agência Brasil
(AG)

1 / 1

O ESTADO DIGITAL

Comentários

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA de imagem
Entre com os caracteres da imagem.