31 C°

domingo, 17 de dezembro de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

PCC e corruptos no poder

HÉLDER CORDEIRO JORNALISTA

terça-feira, 05 de dezembro 2017

Imprimir texto A- A+

Se o governo tampão do PMDB, chamado de: “amontoado de corruptos” pelo ex-governador Ciro Gomes, não comprar os 308 votos necessários para aprovar a desnecessária reforma previdenciária na Câmara dos Deputados, a proposta será arquivada.

Mas, “o eventual presidente Temer”, segundo Lula, (ontem golpista, hoje possível aliado), está em negociata com uma nova sigla para aprovar a sua reforma. Trata-se PCC (Partido dos Canalhas Corruptos) outro amontoado de larápios roedores dos cofres públicos semelhante ao chamado Centrão de matreiros parlamentares no balcão de compra e venda de votos na Câmara, exclusivamente para atender as necessidades eleitorais dos sucessivos presidentes da República.

Nos 32 anos atendeu a seis dos sete últimos. Essa meia dúzia já passou ou está indiciada em processos judiciais por práticas criminosas. Situação semelhante também acontece na maioria dos estados e dos municípios brasileiros, com governadores e prefeitos negociando com os poderes legislativos estaduais e municipais.

Os integrantes dessa “quadrilha PCC” estão filiados em todas as siglas partidárias existentes, do PSDB ao PT, e, nos demais ajuntamento de políticos e camuflados sob as manobras escusas do PMDB, eventual dono do poder nesta república de bananas. Na impossibilidade de golpe sobre golpe, imorais acordos estão engrenados na pauta eleitoral de 2018. Isto sem um mínimo de critério ético nem, simplesmente respeito a passado recente dos signatários. Gente que até recentemente se auto digladiava em agressões pessoais e políticas se articula em imorais alianças mais pessoais do que partidárias. Comportamento incoerente e estranho ao que deseja o eleitor: transparência, ética e honestidades na política.

O que dirá o eleitor sem opção eleitoral no teclado da urna eletrônica: votar ou não votar na união (Camilo/PT/-Eunício/PMDB/-Cid/PDT/-Lula/PT), se este último estiver em liberdade? Pois, como sabemos é ficha suja e já condenado pela Justiça? Os matreiros e corruptos militantes do PCC vão respaldar os espúrios acordões nacionais e até estaduais para unidos permanecerem no poder. Até o senador Renan Calheiros, PMDB golpista, está negociando com Lula e este com os demais golpistas de 2016, inclusive com os do Ceará.

Os politiqueiros estão literalmente desesperados. Maioria absoluta de ficha suja. Temendo rejeição nas eleições de 2018 estão se distanciando dos princípios ideológicos e qualquer sinal outro de valor ético. Situação que o eleitor não deve esquecer nas eleições, pois corrupção não prejudica somente a economia. Ela corrói relações sociais e mata crianças e idosos nas escolas e nos hospitais públicos. Ainda torna o Poder Público incapaz de investir no essencial à vida dos brasileiros.

outros destaques >>

Facebook

Twitter