quarta-feira, 17 de julho de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Sobral homenageia Virgílio Távora

MAURO BENEVIDES JORNALISTA E DEPUTADO FEDERAL

quinta-feira, 11 de julho 2019

Imprimir texto A- A+

Em concorrida reunião no denominado Beco do Cotovelo, o município de Sobral homenageou o saudoso coronel Virgílio Távora, militar e homem público, cuja visão aquilina fê-lo destacar-se no cenário nacional e no âmbito regional, transformando-o em líder inconteste de sua corrente partidária e da comunidade cearense.

Ministro de Viação e Obras Públicas, no governo parlamentarista, tendo Tancredo Neves como primeiro-ministro, o nosso inesquecível conterrâneo foi considerado figura exponencial nos círculos político-partidários, exercendo, com proficiência e espírito público, o Governo do Estado, aliado às forças políticas empenhadas em torno de sua gestão, quando importantes transformações ocorreram em nossa Unidade Federada.

Na Assembleia Legislativa, que cheguei a presidir em instantes nacionalmente conturbados, ele contava com as mais expressivas bancadas, o que permitiu ao seu governo realizar obras imprescindíveis, que impulsionaram o desenvolvimento e bem-estar social da terra alencarina.
Como senador, ao seu lado e do competente Wilson Gonçalves, identifiquei em Virgílio Távora um homem incansável, por pugnar em prol da concretização de iniciativas grandiosas para o Nordeste, inclusive, a extensão da energia de Paulo Afonso ao nosso Estado, além de outras áreas do Polígono das Secas.

Muitas vezes foi alvo frequente de incompreensões, que eram contestadas com ampla argumentação, situando-o como detentor de postura retilínea, assim considerado até mesmo por certos adversários.

O seu centenário, em novembro vindouro, ensejou a efetivação de programação especial, incluindo Sessão Solene da Assembleia, para tornar ainda mais positiva e justa a atuação de um personagem inolvidável, com relevantes serviços prestados à coletividade.
Não foram muitos os que puderam a ele ser comparados, por seu caráter adamantino, especialmente na preocupação constante de servir, sem tréguas, ao Ceará, ao Nordeste e ao País como um todo.
O livro a ser lançado pelo intelectual César Barreto realça tudo isso, com precisão e clareza.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter