segunda-feira, 17 de junho de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Acabou o trem da alegria

quinta-feira, 13 de novembro 2008

Imprimir texto A- A+

O concurso que seria realizado pela Prefeitura de Caucaia para preenchimento de quatro mil vagas, desnecessárias para os quadros da municipalidade, foi suspenso por determinação judicial. O que se caracterizava como um ato puramente demagógico da prefeita para criar dificuldades financeiras ao seu sucessor, teve pronta reação do Ministério Público, acabando com o trem da alegria no apagar das luzes da atual gestão.

Derrotada nas eleições, Inês Arruda buscou a forma mais mesquinha de se vingar do candidato vitorioso de forma legal, abrindo concurso para preenchimento de cargos que não existem, só para deixar em situação difícil o dr. Washington. Ela concluiria o seu mandato fazendo cortesia com o chapéu alheio, já que caberia ao seu substituto, o ônus da implantação dos aprovados, onerando sobremaneira o Erário municipal.

Nunca tratou do assunto, por achá-lo despropositado e intempestivo, mas encontrou propósito e tempo da sua gestão para dar ao sucessor a herança da incúria. Mais de 20 milhões de reais foram arrecadados só com taxa de inscrição. Parece mais importante sepultar no nascedouro as esperanças exauridas no seu consulado, do que colaborar para que a futura gestão possa corrigir os seus erros e defeitos.

“Herança”
O deputado Fernando Hugo (PSDB) rebateu ontem, declarações do deputado Roberto Cláudio (PHS), de que o País e o Estado ganharam dos governos tucanos uma “herança maldita” para administrar. Para ele, o PSDB, que deu ao Brasil uma moeda estável que o tornou respeitado perante o Mundo, não tem culpa das promessas mal-cumpridas do atual presidente, Lula da Silva.

Cidadania
Em solenidade programada para as 19h30min, o governador Cid Gomes receberá no Plenário da Câmara Municipal de Fortaleza a cidadania fortalezense. Projeto de Lei de autoria dos vereadores Tin Gomes (PHS), presidente da Casa, e Paulo Mindêllo (PSB) que concede ao Chefe do Executivo estadual a honraria.

Interlocução
“O Legislativo fará a interlocução entre os representantes dos mestres e o Governo do Estado, na busca de uma solução para o caso do piso nacional”. Foi o que assegurou ontem, o deputado Domingos Filho (PMDB), presidente da AL, aos representantes do Sindiute, Sindicato APEOC, CUT e outras entidades que buscaram o seu apoio.
Homenagem
Como parte das comemorações do 1º aniversário da Rádio FM Assembléia, a Casa homenageou ontem, em sessão solene, o radialista e ex-deputado Narcélio Limaverde, pelos seus 55 anos de atividades como comunicador. Perante numerosa presença de comunicadores e deputados, foi lançado o livro de sua autoria “Fortaleza Antiga”.
Sem condições
Referindo-se à situação do atendimento ao público pela rede hospitalar pública, o vereador José Maria Pontes denuncia que é tal a falta de condições do setor, que até mesmo portadores de AVC (Acidente Vascular Cerebral), continuam amontoados nas filas. Para ele, “de nada adianta serem instaladas mais salas e leitos de UTIs, se não existem profissionais capacitados para operar esses equipamentos”.
Na bucha
Num ato público, depois de ouvir do senador Garibaldi Alves (PMDB), presidente do Senado, que o Judiciário estava invadindo as atribuições do Legislativo, o ministro Gilmar Mendes, presidente do STF, deu o “xeque-mate”: “Não se trata de invadir atribuições, mas de tomar decisões que o Legislativo deveria tomar, mas não toma!…”.
Viana – o retorno
O jornalista Antonio Viana, retorna ao rádio, na Rede Cidade. Vai apresentar programa político em dois horários, a partir do dia 01/12. Isso, depois de “batido o martelo” pelos diretores da Rádio Cidade-AM Assis Tavares, Nelson Oliveira, Flávio Moreira e Eliane Alencar, com o O.K. do presidente, empresário Miguel Dias.
Solidariedade
Hoje, às 9 horas, no Comitê de Imprensa da CMF, com um “Café Solidário”, será lançado o “Mutirão do Natal”, parceria da Câmara, CIRT e a ADRE, entidade filantrópica. A meta é arrecadar 100 toneladas de alimentos para os necessitados da capital, no Natal. Os convidados devem contribuir com 1kg de alimentos não perecíveis.
Exemplo
O TJCE vai julgar mil processos, por ocasião de mais uma edição da “Semana da Reconciliação”, que vai ocorrer de 01 a 06 de dezembro. É o que informa o desembargador Fernando Ximenes, presidente do Judiciário, lembrando que este ano, serão incluídas questões precatórias. A “Semana” já é modelo para o País.
Ameaça
Se não forem tomadas, pelas autoridades, rigorosas e urgentes medidas de segurança e cobertura de saúde e salvamento, a Praia do Futuro, um dos cartões postais de Fortaleza, será riscada do mapa turístico do Estado. Foi o que denunciou ontem, na AL, o deputado Ferreira Aragão (PDT).
 

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter