29 C°

segunda-feira, 23 de outubro de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Conversando, a gente se entende

Ian Gomes

Colunista - + CADERNOS

sexta-feira, 19 de maio 2017

Imprimir texto A- A+

Tenho quase certeza que você já ouviu alguém chorar pelo fim de uma relação, certo? Agora que vivemos em um mundo onde tudo é descartável é bem mais comum. São poucos os que buscam manter algo sólido. Apesar disso é preciso se valorizar. Falo assim, pois um amigo se lamentava por ter sido “passado pra trás”. Diante de tal situação costumo pensar: faça o outro(a) sentir sua falta. Dê um tempo. Saia para se distrair com os amigos, dar uma corrida no parque, respirar fundo e encontrar sentido na solidão. Em algum momento o pensamento acalma. E, você vai perceber que o fim pode ser a abertura para novas descobertas. Ninguém merece mendigar sentimentos. Agir com com esquecimento para quem sempre pareceu esquecer você faz bem. Isso é amor próprio, e, ninguém rouba. Pense nisso!

Diversão – A primeira-dama do Estado, Onélia Santana, entregou a Brinquedopraça, novo espaço de lazer para as crianças de Ibicuitinga e Granjeiro .

Investir – A funerária Ternura comemora 28 anos de atuação no mercado com investimentos de mais um milhão de reais em seus serviços.

Valorizar – A Galeria Contemporarte está com nova exposição de acervo e novos artistas. Aberta para visitação de segunda à sexta-feira de 10h às 19h, na Rua Vilebaldo Aguiar.

Arte – Com o espetáculo “Curral Grande”, autoria do dramaturgo cearense Marcos Barbosa, e a oficina Do Jogo à Criação Coletiva, o Coletivo Ponto Zero, vem a Fortaleza para temporada de 2 a 4 de junho.

Interagir – A Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado do Ceará (CGE) comemorou 20 anos de criação dia 14 desde mês. O órgão foi criado para servir como elo entre o cidadão e a administração pública estadual.

outros destaques >>

Facebook

Twitter