domingo, 21 de julho de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Gol de “placa” do secretário Mauro

Julieta Brontee

Colunista - + SUPLEMENTOS

sexta-feira, 03 de maio 2019

Imprimir texto A- A+

O titular da Secretaria de Administração Penitenciária do Ceará, Mauro Albuquerque, é com absoluta certeza, uma das maiores aquisições que o governador Camilo Santana poderia ter trazido para o seu “staff”. Essa condição ele já mostrou desde o momento em que, estando as nossas autoridades às voltas com atos de violência e terror promovido pela bandidagem, assumiu as rédeas das nossas penitenciárias, e passou a mostrar aos criminosos que tipo de tratamento eles passariam a receber.
O diagnóstico do policial Mauro Albuquerque foi a tal ponto eficiente, e os “medicamentos “ com que ele “tratou” chefes das facções e seus chefiados, que foi possível devolver a paz e serenidade aos fortalezenses, com a choldra “baixando o fogo”. Feito isto, o secretário Mauro mostra o outro lado do seu sistema de enfrentamento à criminalidade, dando uma demonstração de que criminoso pode voltar a ser gente decente. Para isso, foi fechado com duas empresas – Mallory, de artigos eletrônicos, e Ypióca.
Os primeiros passos para mostrar a utilidade desse acordo, é que, através dele serão aproveitadas pela Mallory 40 internas do Instituto Penal Auri Moura Costa, cuja tarefa será a de montar 1.000 ventiladores por dia, ganhando um salário mínimo, além de uma progressão de um para cada três dias de trabalho. Pela ordem, as próximas contratações deverão ser para homens, o que leva à certeza de que os marginais que assim desejarem, poderão ser devolvidos à sociedade. Gol de placa do Dr. Mauro.

INCERTEZAS DO PDT I
Para ninguém é novidade que o comando e lideranças do PDT-CE têm motivos para preocupações no que se refere à sucessão municipal de Fortaleza, tendo em vista o despontar de nomes “ameaçadores” para disputar pela oposição.

INCERTEZAS DO PDT II
Alguns nomes são citados, mas, em geral, “chutes” de setores da imprensa. Quem vem dar um “freio” na boataria é o próprio presidente regional do partido, deputado André Figueiredo, que afirma “ninguém é ainda pré-candidato”. Então, tá!

FRENTE PARA O BEM
O deputado Júlio César (PPS), líder do Governo do Estado, propõe, na AL, uma Frente com todos os deputados da Casa, com o objetivo de se tentar trazer de volta, junto ao ministro Moro, da Justiça o projeto-piloto de Segurança Pública que estava programado para Maracanaú. Pode ser que dê certo.

NOVA CHANCE
Na visão de deputados como Walter Cavalcante (MDB) e Renato Roseno (PSOL) a realização das eleições de 2020, será mais uma chance para que os partidos se empenhem em lançar candidatos às prefeituras, que tenham fichas limpas e boas intenções. Isso, tendo em vista o grande número de prefeitos e vices que terminaram cassados e alguns presos por improbidade, corrupção e outros crimes.

PREFEITURAS-CABIDES
Segundo lembra o ex-deputado e ex-presidente da Assembleia Legislativa, Antônio Câmara, uma das principais razões de muitos prefeitos estarem mergulhados em dificuldades tem sido a transformação de refeituras em gigantescos cabides de emprego, em sua maioria, inúteis, e dos quais dependem os votos do prefeito, já que cada um carrega dezenas de eleitores. Isso, sem se falar nas licitações fajutas. Mas essa já é outra “novela”.

INCOMPETÊNCIA EMPRESARIAL
O Brasil é hoje o país da América Latina com mais obras, algumas bilionárias, interrompidas e seu expectativas de conclusão. A própria AGU revela, o que não é surpresa para quem conhece a situação: a maioria das obras em questão foi entregue, através de concorrências “arrumadas” a empresas incompetentes. Estas sem estrutura de equipamentos e de pessoal terceirizam as obras para outras igualmente mal equipadas e incompetentes.

MEDIDA ACERTADA
Em seu retorno de Portugal-China, o governador Camilo Santana terá como uma de suas primeiras medidas, o envio à Assembleia Legislativa, de Mensagem sobre a fusão do Departamento de Estradas de rodagem –DER, e o Departamento de Arquitetura e Edificações, DAE. Com isso ficará consolidado um portentoso setor destinado à rede rodoviária estadual, carente de uma empresa que trate o setor com eficiência.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter