sábado, 25 de maio de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Municípios querem fortalecer papel dos pequenos negócios

Macário Batista

Colunista - Política

quinta-feira, 07 de março 2019

Imprimir texto A- A+

 

Presidente da CNM se reuniu com o presidente do ­Sebrae para falar do Marcha dos Prefeitos a Brasília
Os municípios brasileiros querem fortalecer o papel dos pequenos negócios nas compras públicas, como forma de geração de emprego e renda e redução da dependência das prefeituras dos repasses governamentais. Foi o que afirmou o presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Glademir Aroldi, durante visita ao presidente do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), João Henrique de Almeida Sousa. “Queremos conectar as políticas públicas municipais com as novas diretrizes federais e fortalecer a participação dos pequenos negócios na economia dos municípios”, disse. Glademir Aroldi se reuniu com João Henrique para formalizar o convite para o presidente do Sebrae participar da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, conhecida como Marcha dos Prefeitos, que acontece de 8 a 11 de abril, na capital federal. O evento é um manifesto dos prefeitos em defesa da administração municipal e tem como prioridade a promoção da distribuição de renda, de municípios mais fortes e de contas públicas saneadas. “Sem dúvida a pauta dos pequenos negócios será estratégica, pois os empresários de pequenos negócios e empreendedores estão nos municípios gerando emprego e renda”, afirmou João Henrique de Almeida Sousa, durante encontro com Aroldi e outros membros da CNM, entidade promotora do evento. Em sua 22ª edição, a Macha dos Prefeitos vai coincidir com os 100 primeiros dias do governo Bolsonaro. Pelo menos 8 mil lideranças municipais devem comparecer ao evento, sendo os prefeitos os principais agentes de atuação. Outro diferencial, este ano, é a presença das autoridades municipais femininas na programação principal, explica Dalva Christofoletti, uma das fundadoras na CNM. “Este fato me emociona, pois a mulher começa a perceber que sua voz está sendo ouvida”, explica Dalva.

Liberou geral na Beira Mar.A Câmara Municipal de Fortaleza aprovou, por unanimidade, o projeto de lei da Prefeitura que autoriza o prefeito Roberto Cláudio a conceder Termos de Permissão de Uso aos atuais ocupantes dos boxes da Feira de Artesanato da Volta da Jurema, do Mercado dos Peixes e das barracas de praia e quiosques existentes na Avenida Beira Mar.

O.S. pro Hospital da Mulher
A Prefeitura da Capital quer que o Hospital da Mulher mude de rumo e seja gerido por uma O.S.- organização social.
A Câmara vai fazer audiência pública pra cuidar do assunto.
Carnaval na cama
Cid Gomes não foi ao Senado semana passada. Estava acamado com uma tal de virose. Levantou no Carnaval só pra ir pro sítio, na Meruoca onde recuperou e politicou.
Cem anos de VT
Os próximos ao senador Cid anunciaram que, assim que ele botar os pés em Basília vai requerer sessão solene para lembrar os 100 anos de Virgílio Távora, o maior senador do Ceará em todos os tempos.
De olho
O deputado Marcos Sobreira quer a bancada federal cearense na captura da aprovação da emenda constitucional que cria a Zona Franca do Semiárido. Propôs na Assembleia comissão agregada à Indústria e Comércio pra botar sentido em Brasilia.
É lei
Nascido como uma iniciativa voluntária do Corpo de Bombeiros, o projeto Saúde, Bombeiros e Sociedade, agora, é um programa regulamentado por lei.
Amém dos deputados
A Assembléia Legislativa aprovou a mensagem do Governo do Ceará que institucionaliza o programa.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter