quarta-feira, 17 de julho de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Pra que serve um deputado

Macário Batista

Colunista - Política

segunda-feira, 18 de fevereiro 2019

Imprimir texto A- A+

 

Novatos, mas não tão novatos assim na política, chegam à Assembleia Legislativa e, às vezes, se assustam com o ambiente. É tudo, ou quase tudo, novo, muito novo e diferente seja de uma vereança de interior, uma prefeitura pequena, uma secretaria de estado ou um cargo público que ordene despesas. É diferente. Aí tem uns que trocam os pés pelas mãos e vão ao meio-fio, como a desafiar o mundo ou mostrar que suas necessidades não são bem aquelas a que se prestam um deputado no seu papel. Palco de grandes nomes, onde pontuaram baluartes a Assembleia do Ceará tem perdido, nos últimos anos, em qualidade, cultura, erudição e até em foco. Mas, há luzes. Gente nova que sabe a que veio. Marcos Sobreira é um deles, neste começo de legislatura. Como se tivesse um baú de projetos e uma cabeça fervilhando de ideias, acaba de registrar projeto de lei complementar em que dispõe sobre a criação da “Região Metropolitana Centro-Sul, cria o conselho de desenvolvimento e integração da área e altera a composição das microssegiões do estado do Ceará”. Sobreira quer juntar Acopiara, Baixio, Cariús, Catarina, Cedro, Icó, Iguatu, Ipaumirim, Jucás, Orós, Quixelô, Saboeiro e Umari, para integrar a organização, o planejamento e a execução de funções públicas de interesse comum, à metropolitana com Iguatu ao centro. Isso e bom. Há vida inteligente no parlamento.

Guilherme Landim oficiallizado líder. Guilerme Landim chega à Assembleia Legislativa e já assume a liderança do PDT, o partido majoritário na casa. Landim, ex-prefeito de Brejo Santo. O Comitê de Imprensa foi o palco da apresentação de Guilherme no fim de semana.

O preço da traição
A senadora Simone Tebet (MDB-MS) foi eleita presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, por aclamação. A vice-presidência será ocupada pelo senador Jorginho Mello (PR-SC). Pouco importa quem foi o traído.
A reboque do Governo
A CCJ é considerada a mais importante comissão dentro do Senado, pois é a responsável por opinar sobre a constitucionalidade, a juridicidade e a regimentalidade das matérias a que lhe são submetidas.
Migalhas
Carguinhos de segunda categoria, sub de sub, estão sendo distribuidos a conta-gotas e com indisfarçavel má vontade àqueles que não liberaram seus votos de afronta à Justiça Brasileira. Para as câmeras, vale bravata, vale desafio. Vale… o escrito.
Surpresa!
“…fomos surpreendidos com a suspensão das tarifas antidumping cobradas sobre a importação de leite em pó, integral e desnatado da União Européia e da Nova Zelândia. “ O surpreendido foi o vereador Gardel Rolim, do PPL do Ceará.
Santa inocência
Essas tarifas eram cobradas desde 2001 e protegiam os produtores nacionais, garantindo preços estáveis no mercado interno. Cobrando o lá de fora, o leite daqui dava pra sobrar uma ponta. Acabou o lucro local, emprego.
Sai-não-sai
O deputado Fernando Hugo anunciou licença médica. No lugar dele, entra Duquinha. Está esperando a formatação das comissões da casa e o laudo de um exame que estaria vindo de São Paulo. – Quero sair sem deixar rabo, disse.
Dependência
Dizem que assim que Hugo pegar o beco de licença, a Prefeitura de Fortaleza formalizaria convite a dois outros deputados estaduais para seus quadros. Seriam abertos os caminhos para Oriel Nunes, Filho e Ferreira Aragão, outros suplentes.
Na verdade…
O que se sabe, nos bastidores, é que esses suplentes poderão estar com assento na Assembleia até o fim deste mês, que, por sinal, só tem 28 dias. Como o mês é indivizivel no quesito remuneração…
Cidadania
A vereadora Priscila Costa, da Câmara Municipal de Fortaleza, acaba de requerer o título de cidadã honorária da capital cearense para a senhora Michele Bolsonaro, mulher do excelentíssimo senhor presidente da República, Jair Messias.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter