quinta-feira, 27 de junho de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Quebrando Tabus

Fernando Maia

Colunista - Política

sexta-feira, 24 de maio 2019

Imprimir texto A- A+

 

É propósito do deputado Audic Mota, como presidente da comissão que elabora o novo regimento interno da Assembleia Legislativa promover a maior revolução da tradição e do costume do parlamento estadual, onde nunca se ousou até hoje, fazer as mudanças a que ele se propõe. Uma delas será algo extraordinário, jamais visto ou experimentado, na casa do povo, onde só deputados podem falar em plenário. Esse tabu poderá ser quebrado, agora, se os seus colegas concordarem. Como as sessões só serão realizadas três dias por semana, de terça a quinta feira, Audic quer reservar a sexta-feira para inovar, oferecendo o dia para a realização de uma sessão que permita a participação da sociedade civil, através de entidades de classe para se pronunciarem no plenário do Poder Legislativo, não como se fosse uma sessão oficial, mas numa sessão de caráter extraordinária, onde seriam obedecidos os mesmos rituais já em consonância com o novo regimento da casa, que passará a contar com essa matéria como a mais democrática proposta já apresentada.

Ninguém julgava o deputado Júlio Cesar com tanta experiência como tem demostrado na liderança da bancada governista. Franzino, pequeninho, mas valente e corajoso no embate verbal, pronto pra briga. É tido como dos políticos de boa qualificação intelectual e moral e muito bem afinado com o grupo que comanda o PDT. É da confiança do sistema.

Segundo e não o terceiro. De Brasília, liga o deputado Célio Studart reivindicando o seu lugar na ordem cronológica de votação em Fortaleza. Ele saiu bem na foto. Foi o segundo mais votado com 225 mil votos, suplantando Luizianne Lins, com os 111 mil que atribuímos a ele anteriormente. Para quem quer ser candidato a prefeito da Capital, em 2020, a correção se faz necessária por mostrar a expressão do seu desejo respaldada por apoio popular. À sua frente só o Capitão Wagner, que está pegando corda para se candidatar à sucessão de Camilo.

Mauro no dia 7. Ontem, no Abolição, falava-se que o deputado Mauro Filho toma posse no secretariado no dia 7 de junho, o que é provável mas não absolutamente certo. Ele estava preparando um substitutivo para a reforma da previdência, por encomenda do partido, e teria de se fazer presente a essa sessão. E não era só um voto seu. Era coletivo e de muita valia, dizem, para corrigir a proposta do Governo. E antes do dia 7 é impossível. O bate-pronto da reforma só sairá no segundo semestre. Podem apostar.

Briga na agulha. Roberto Pessoa chegou, ontem, da China, Japão, Vietnã e outras paragens asiáticas, onde acompanhou a ministra da Agricultura. Depois de 37 horas de avião, foi direto dormir. Não aguentou justificar nem concluir os seus protestos contra a reforma da previdência, mas deixou a briga na agulha para quando voltar a Brasília. Não admitirá que um trabalhador rural seja aposentado com o mesmo tempo de serviço de um bancário que vive a sombra, no ar-condicionado.

Iguais e desiguais. Não se pode tratar como iguais os desiguais. Um rurícola que vive na roça, de enxada, capinando mato no meio do sol quente merece ter, por humanismo e justiça, um tratamento diferenciado. Diz que irá à Câmara com a faca nos dentes, para impedir o que considera a maior e mais desumana injustiça do mundo.

Energia solar. Isabel Freitas, ou Dona Isa, como é conhecida a esposa do ex-deputado Brasilino de Freitas, está implantando, em Banabuiú, 450 hectares de painéis fotovoltaicos para produção de energia solar, desafio pouco comum para ser vencido por uma mulher. Fez parceria com um grupo paulista que vai investir R$350 milhões nos próximos quatro anos, quando estará concluído todo o projeto.

Casa do amanhã. Ontem, na Assembleia Legislativa, o ex-deputado Haroldo Stanford, a bordo dos seus 90 anos de vida pública, lépido e fagueiro. Foi tratar com Bianou de Andrade de questões relativa à Associação dos ex-deputados.

Instagram

[instagram-feed]

Facebook

Twitter