32 C°

domingo, 17 de dezembro de 2017.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

"você jamais será livre sem uma imprensa livre." - Venelouis Xavier Pereira

Temos o Direito de escolher

Solange Palhano

Colunista - + CADERNOS

sexta-feira, 01 de dezembro 2017

Imprimir texto A- A+

Existe uma polêmica muito grande em torno do tema aborto. Em período eleitoral os candidatos fogem desta discussão. Em abril de 2012 tivemos uma vitória, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que não é crime a interrupção da gravidez quando o feto apresentar má formação do cérebro (anencefalia). O Código Penal não considera crime o aborto praticado nos casos em que a gestação decorre de estupro ou põe em risco a vida da mulher.

No início deste mês causou polêmica na Câmara a aprovação, em uma comissão especial, que o princípio da dignidade da pessoa humana e a garantia de inviolabilidade do direito à vida, ambos já previstos na Constituição, deverão ser respeitados desde a concepção – ou seja, do momento em que o óvulo é fecundado pelo espermatozóide –, e não apenas após o nascimento. Esta medida pode inviabilizar o que foi conquistado, aborto nos casos permitidos pelo ordenamento jurídico brasileiro.
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, já se manifestou sobre a eventual proibição de aborto por estupro afirmando que na Câmara, esta votação não passa.

Aborto é sim um caso de saúde pública. Mais de 200 mil mulheres procuram um hospital devido a problemas relacionados ao aborto. Não há como negar que o problema é grave e nossos parlamentares não conseguem enxergar isto. O aborto clandestino acontece em todos os cantos do Brasil.
Muitas vezes temos que nos colocarmos na situação do outro. Imaginar o trauma, a angústia o pavor de sofrer a violência de um estupro. Por causa de convicção religiosa uma mulher não pode ser proibida de abortar. Temos o direito de fazermos nossas escolhas, ninguém pode decidir por nós se devemos ser mãe ou não. De que adianta colocar uma criança ao mundo para não ser amada e ser abandonada.

Ciro na Fiec

A Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) recebe o ex-governador do Ceará, Ciro Gomes, para o Fórum Ideias em Debate na próxima segunda-feira. O ex-ministro falará sobre a conjuntura nacional e as perspectivas para o Brasil nos próximos meses. Ciro deverá ser a presidência da República pelo PDT.

Tasso candidato

Após a desistência de disputar a presidência do PSDB, aumenta as especulações que o senador Tasso Jereissati irá candidatar-se a governador do Estado nas próximas eleições pela oposição. Diante desta possibilidade, integrantes do PMDB já estão afirmando que não há nenhum acordo fechado entre o senador Eunício Oliveira e os Ferreiras Gomes.

Águeda Muniz recebe troféu O Estado Verde de Responsabilidade Ambiental

A secretária do Meio Ambiente de Fortaleza, Águeda Muniz, recebeu o troféu simbólico do Prêmio O Estado Verde de Responsabilidade Ambiental – 2017. O nome da arquiteta e urbanista foi escolhido pela importância estratégica de conectar os aspectos ambientais à gestão pública municipal, contribuindo com a agenda de desenvolvimento sustentável da capital cearense. O reconhecimento é um desdobramento da publicação semanal do caderno O Estado Verde, do jornal O Estado

outros destaques >>

Facebook

Twitter