32 C°

segunda-feira, 30 de novembro de 2020.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Arte + Agenda

Anitta canta Jorge Ben Jor na Lapa em única apresentação brasileira no Grammy Latino

sexta-feira, 20 de novembro 2020

Anitta foi responsável pela única participação brasileira na cerimônia principal do Grammy Latino de 2020. A cantora cantou um trecho de “Mas Que Nada”, clássico de Jorge Ben Jor, em versão eletrônica, e emendou “Me Gusta”, seu single recente, em parceria com Cardi B e Myke Towers.

Reprodução

Ela gravou a performance direto dos Arcos da Lapa, no Rio de Janeiro, e se vestiu com chapéu e blazer brancos, em homenagem a sambistas clássicos. Mais cedo, na cerimônia prévia do Grammy Latino, Anitta –única brasileira concorrendo em uma das categorias principais- perdeu o prêmio de melhor canção “urban”, com a música “Rave de Favela”, parceria com MC Lan.

Estrelas do reggaeton, J Balvin e Bad Bunny, que chegaram como os mais indicados à premiação, levaram só um prêmio cada um. Sem ganhar nenhum dos quatro prêmios mais importantes, a espanhola Rosalía e o colombiano Carlos Vives levaram três categorias e saíram como maiores vencedores da noite.

Rosalía ganhou de Anitta em melhor canção “urban”, com “Yo X Ti, Tu X Mi”, parceria com Ozuna que também rendeu à cantora o prêmio de melhor fusão ou interpretação “urban”. Ela ainda levou em melhor vídeo em versão curta, pelo clipe de “TKN”, com o rapper americano Travis Scott. Carlos Vives ganhou em categorias de música tropical e também em vídeo em versão longa, graças ao disco “Cumbiana”.

As quatro categorias mais importantes não foram monopolizadas por nenhum dos principais nomes da premiação. O veterano Alejandro Sanz ganhou em gravação do ano, com a música “Contigo”. O rapper porto-riquenho Residente levou em canção do ano, com “René”. O escolhido como artista revelação foi o colombiano Mike Bahía.

A mexicana Natalia Lafourcade levou o prêmio de álbum do ano, o mais cobiçado da noite, com o pop rock de “Un Canto Por México, Vol. 1”. Antes, ela já havia levado o gramofone de melhor canção alternativa com “En Cantos”. Ela não estava presente na cerimônia.

J Balvin, que chegou como o artista com mais indicações -eram 13 no total-, levou só um prêmio. Ele bateu Bad Bunny -e “Oasis”, o disco dele mesmo em parceira com Bunny- na categoria melhor álbum de música “urban”. No discurso de agradecimento, o colombiano lamentou a situação na ilha de Providência, em seu país natal, que foi atingida pelo furacão Iota, de categoria cinco, que deixou um morto e causou danos graves à região na última segunda (16).

Balvin também foi responsável por uma das principais performances da cerimônia, cantando o hit “Rojo”, do disco “Colores”. Ele vestiu branco, com um desenho de um coração sangrando em sua roupa, e embaixo de duas mãos gigantes em posição de reza. A apresentação teve tom emotivo, com o cantor acompanhado por backing vocals e imagens relacionadas à pandemia de coronavírus ao fundo.

Bad Bunny, que teve 11 indicações, se apresentou direto de Porto Rico, a ilha americana onde nasceu. 

Ele começou com “Bichiyal”, canção que fica entre o trap e o reggaeton, cantando de dentro de um carro em movimento, cercado por motos e quadriciclos. Depois, apareceu num palco montado dentro de um estádio vazio, onde cantou “Si Veo a Tu Mamá” em versão acústica, com pegada de bachata.

Com a música “Yo Perreo Sola”, Bunny levou a categoria de melhor interpretação de reggaeton, seu único prêmio no Grammy Latino de 2020.

Numa sessão de homenagens, o colombiano Juanes recordou do rei Roberto Carlos cantando uma versão de “Un Gato En La Oscuridad”, conhecida no Brasil como “Negro Gato”. Julio Iglesias e Juan Luis Guerra também foram homenageados, nesta ordem, por Natalia Jiménez e Prince Royce com Leslie Grace.

A cerimônia do Grammy Latino de 2020 teve como tema a frase “a música nos une” e exibiu vídeos curtos de instrumentistas em diversas cidades chamadas de “capitais da nossa cultura”. Algumas performances também foram gravadas em cidades diferentes.

O maestro espanhol José Luis Perales se apresentou de Madri, os argentinos Fito Paez e Nathy Peluso cantaram de Buenos Aires, e os mexicanos Alejandro Fernández e Cristian Nodal de Guadalajara, por exemplo.

Os artistas brasileiros foram premiados numa cerimônia prévia, que foi ao ar entre 19h e 19h30. Os músicos nacionais só ganharam prêmios relativos à língua portuguesa, com Emicida, Céu, João Bosco, Paula Fernandes e Aline Barros entre os vencedores.

O Grammy Latino trata de discos e músicas lançados entre 1° de junho de 2019 a 31 de maio de 2020. A cerimônia principal da premiação aconteceu em Miami, a partir das 22h desta quinta, em formato modificado devido à pandemia de coronavírus. Este ano, o Grammy Latino não foi televisionado no Brasil.

Confira os principais vencedores do Grammy Latino 2020

Gravação do ano

“China” – Anuel AA, Daddy Yankee, Karol G

“Cuando Estés Aquí” – Pablo Alborán

“Vete” – Bad Bunny

“Solari Yacumenza” – Bajofondo Featuring Cuareim 1080

“Rojo” – J Balvin

“Tutu” – Camilo com Pedro Capó

“Lo Que En Ti Veo” – Kany García & Nahuel Pennisi

“Tusa” – Karol G & Nicki Minaj

“René” – Residente

“Contigo” – Alejandro Sanz

Álbum do ano

“YHLQMDLG” – Bad Bunny

“Oasis” – J Balvin & Bad Bunny

“Colores” – J Balvin

“Por Primera Vez” – Camilo

“Mesa para Dos” – Kany García

“Aire (Versión Día)” – Jesse & Joy

“Un Canto Por México, Vol. 1” – Natalia Lafourcade

“Pausa” – Ricky Martin

“La Conquista del Espacio” – Fito Páez

“Cumbiana” – Carlos Vives

Canção do ano

“ADMV” – Maluma

“Bonita” – Juanes & Sebastián Yatra

“Codo con Codo” – Jorge Drexler

“El Mismo Aire” – Camilo

“For Sale” – Alejandro Sanz & Carlos Vives

“#ELMUNDOFUERA (Improvisación)” – Alejandro Sanz

“Lo Que En Ti Veo” – Kany García & Nahuel Pennisi

“René” – Residente

“Tiburones” – Ricky Martin

“Tusa” – Karol G & Nicki Minaj

“Tutu” – Camilo com Pedro Capó

Melhor artista revelação

Anuel AA

Rauw Alejandro

Mike Bahía

Cazzu

Conociendo Rusia

Soy Emilia

Kurt

Nicki Nicole

Nathy Peluso

Pitizion

Wos

Melhor canção “urban”

“Adicto” – Tainy, Anuel AA e Ozuna

“Muchacha” – Gente de Zona e Becky G

“Rave de Favela” – MC Lan, Anitta, BEAM e Major Lazer

“Rojo” – J Balvin

“Yo x Ti, Tu x Mi” – Rosalía & Ozun

Fonte: Folhapress

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com