32 C°

sexta-feira, 5 de março de 2021.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Arte + Agenda

CCBNB tem programa especial neste mês

quinta-feira, 04 de setembro 2014

O Centro Cultural Banco do Nordeste [Rua Conde D’Eu, 560 – Centro – fone: (85) 3464.3108] reservou extensa programação de artes cênicas para o mês de setembro. Toda a programação é gratuita. Nesta quinta e sexta-feira, 4 e 5 de setembro, seis grupos cearenses de teatro se apresentam na III Mostra de Esquetes, promovendo o trabalho autoral dos artistas locais.  Eles foram selecionados a partir das premiações no XI Festival de Esquetes da Cia Teatral Acontece. Outros grupos também se apresentarão (Cia. Verdade Cênica, Coletivo Arremate, Edivaldo Férrer e Teatro Esgotado), todos de Fortaleza.

No período de 6 a 26 de setembro, acontece a V Mostra de Teatro Despudorado. Esta edição apresentará oito espetáculos que se unem pela provocação aos espectadores, despertando presenças, sentidos e desejos. Serão montagens cênicas que vão do privado ao público, do íntimo ao escracho, da ficção ao real, acontecendo em espacialidades variadas. No programa Arte Itinerante, cuja realização ocorre fora do CCBNB, em instituições parceiras, serão encenadas duas peças. Em Palafita (Grupo Fuzuê), por meio de contato e equilíbrio entre os corpos na técnica do mão-a-mão, dois artistas exploram as possibilidades de ocupação de espaço em que habitam e a construção de novas formas dentro dele. As imagens formadas em cena remetem às palafitas – casas construídas acima do nível da água, sustentadas por estacas.

Já em Pedra no Sapato (Companhia Laguz Circo / Brasil – Argentina), o palhaço Suspiro entra em cena para apresentar um grande e arriscado show, mas é interrompido por Burbuja que está preocupada se tudo sairá como planejado. Suspiro segue tentando mostrar que tudo está sob controle. A apresentação é enriquecida com mágica, malabares, equilíbrio de objetos, acrobacia solo e muita palhaçada.

Conta a história de uma mulher que revive suas memórias e cicatrizes deixadas pelo passado. Sua narrativa parte, não dos fatos, mas das marcas que ficaram no corpo e na alma da personagem. Ana embarca pelo mar de lembranças e numa intensa busca pela própria identidade, deparando-se com a limitada condição humana.  Confira a programação completa do Centro Cultural Banco do Nordeste no mês de setembro, no Blog Divirta-CE (www.divirta-ce.blogspot.com).

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com