32 C°

segunda-feira, 28 de setembro de 2020.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Esportes

Domènec Torrent chega ao Fla: “tenho estilo próprio”

terça-feira, 04 de agosto 2020

Contratado para assumir a vaga deixada por Jorge Jesus, Domènec Torrent desembarcou, na manhã dessa segunda-feira (3), no Rio de Janeiro. Recepcionado pelo vice-presidente Marcos Braz, o novo treinador recebeu a camisa rubro-negra antes de passar pelo saguão do aeroporto internacional Tom Jobim, onde torcedores fizeram festa com a sua chegada.
Torrent percorreu as dependências do Ninho do Urubu e já concedeu sua primeira entrevista no cargo de técnico do Flamengo. O espanhol, que conheceu o elenco horas depois, elogiou muito o trabalho de Jorge Jesus, seu antecessor, mas afirmou que irá implementar suas ideias aos poucos.
“Respeito muito o Jorge Jesus. Ganhou tudo com o Flamengo. Pouco a pouco vamos implementar nosso estilo, temos de respeitar o trabalho do Jesus e dos jogadores. Ambos somos ofensivos, mas sempre há pequenas diferenças. Impossível estar no Flamengo e não ser ganhador. Isso se leva na alma e no sangue. Não posso ser um elefante que entra num quarto pequeno e destrói tudo. Temos de aproveitar o trabalho e melhorar. Quero que o Flamengo tenha um estilo muito próprio. Queremos um estilo, uma filosofia muito clara para o clube”, disse ele.

Queria o Fla
O catalão assegurou que tinha ofertas da Europa e da América, mas disse que congelou todas conversas quando soube do Flamengo. Torrent falou diversas vezes sobre o tamanho do Fla, exaltou a importância do clube no cenário mundial e afagou a torcida:
“Tinha ofertas na Europa e na América. Mas quando me falaram sobre possível interesse do Flamengo, falei para parar tudo. Flamengo é muito respeitado na Europa. Quando se pensa em equipes brasileiras na Europa, se pensa no Flamengo. Falei que primeiro seria o Flamengo, seria a minha primeira opção. Se há dez equipes no mundo que se comparam. Estou muito feliz de fazer parte dessa nação. Na Europa, todos sabem que o Flamengo é um dos maiores do mundo”.
O comandante disse já ter uma ideia de uma equipe base e afirmou já ter assistido a mais de dez jogos do Rubro-negro. No domingo, ele já dirige a equipe contra o Atlético-MG, em jogo válido pela estreia do Brasileiro. “Todo mundo sabe que tenho uma filosofia muito similar a do Pep Guardiola. Gosto do jogo ofensivo. Prefiro ganhar de quatro do que de um. Isso é importante para a torcida. Importante não é só ganhar, é como ganhar. Flamengo tem de jogar no Maracanã e fora da mesma forma. Gosto de ser agressivo, de ter a bola e ser protagonista”, acrescentou. (Com informações do Uol Esportes)

No Benfica, Jesus descarta
conselhos a técnico rubro-negro

Jorge Jesus foi apresentado pelo Benfica ontem e revelou ter assinado vínculo com o clube por duas temporadas. O comandante afirma que saiu de um paraíso, em que havia conquistado tudo no Flamengo, e que quer alcançar outro paraíso com sua nova equipe. “Eu vou tentar conquistar outro paraíso. Estamos convictos que temos capacidade para fazer uma equipe muito forte. Não vim para fazer revolução. Eu vou mudar conceitos e ideias. Acho que sou muito mais treinador do que quando saí do Benfica”, disse. Jesus afirmou que quer uma união entre clube e torcida. “Eu vim para ganhar, mas vim para unir a nação benfiquista. Venho com a mesma vontade de ganhar coisas importantes para o Benfica. Vim ganhar menos dinheiro do que ganhava no Flamengo. Vim recuperar o prestígio do Benfica.” Na apresentação, o treinador foi perguntado sobre qual conselho poderia dar ao novo técnico do Flamengo, Domènec Torrent. “Não tenho que dar conselhos ao novo treinador do Flamengo. Ele saberá o que fazer e os jogadores vão ajudar. Eu desejo as maiores felicidades para ele”, declarou.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com