32 C°

segunda-feira, 9 de dezembro de 2019.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

Esportes

Rogério Ceni deixa Fortaleza e segue direto para o Cruzeiro

segunda-feira, 12 de agosto 2019

Rogério Ceni não é mais técnico do Fortaleza. O clube anunciou a saída oficial na manhã de ontem. “Rogério aceitou o convite feito pelo Cruzeiro Esporte Clube e será ressarcido através de multa contratual”, disse em suas redes sociais – a equipe mineira não se pronunciou sobre o assunto. “O clube (…) agradece todo o trabalho desenvolvido, é muito grato pelas conquistas e a certeza de que o legado de Rogério Ceni permanecerá. O Fortaleza é grande e seguirá, firme e forte, com o apoio da nossa inseparável torcida na busca pelos objetivos traçados”, prossegue a equipe cearense. O vitorioso treinador à frente do Leão, chegou a comandar o treino do time na manhã de ontem. O time já estudas nomes para o lugar de Ceni e o de Zé Ricardo, ex-Flamengo, Botafogo e Vasco surge como um dos preferidos para comandar o clube no restante da temporada.
Desta forma, Ceni é aguardado já no início da semana, na Toca da Raposa, para conhecer seus novos jogadores e iniciar os trabalhos no Cruzeiro. O treinador irá assinar com o clube até dezembro de 2020. Além de tirar o time da situação incômoda no Campeonato Brasileiro, Ceni ainda terá uma partida importantíssima contra o Internacional, pela Copa do Brasil.

Negociação
Ainda vivo na competição, o Cruzeiro perdeu o primeiro jogo por 1 a 0 para o Internacional, dentro do Mineirão, pela Copa do Brasil, na última quarta-feira (7). O resultado teve como consequência a saída de Mano Menezes, que pediu demissão. Ele estava no clube desde 2016, era o mais longevo técnico da Série A e deixou sua equipe após conquistar apenas uma vitória nas últimas 18 partidas.
Pouco menos de uma semana após a saída de Mano, Ceni surgiu como opção logo depois da diretoria do Cruzeiro ter feito contato com Dorival Júnior, que está sem clube. De opção complicada, por estar empregado, Rogério Ceni negociou rapidamente e virou a principal opção do time celeste, culminando na sua contratação.

Trajetória
Ex-goleiro e ex-treinador do São Paulo, Ceni assumiu ao Fortaleza em 2018 e comandou a campanha que terminou com o título da segunda divisão do Campeonato Brasileiro. Em 2019, foi campeão estadual e da Copa do Nordeste. Na série A do Nacional, o técnico deixa o Fortaleza atualmente na 14ª posição, com 35,9% de aproveitamento (quatro vitórias e sete derrotas em 13 jogos). Na partida de hoje, contra o CSA, pela 14º rodada do Brasileiro, a equipe leonina será comandada pelo técnico Marconne Montenegro, do sub-20.

hoje

Mais lidas