32 C°

segunda-feira, 30 de novembro de 2020.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Mundo

Queda de anticorpos associada à segunda onda de covid-19

quarta-feira, 28 de outubro 2020

Pesquisadores do Imperial College de Londres divulgaram nesta terça-feira (27) um estudo que aponta uma queda de anticorpos contra o coronavírus Sars-CoV-2 na população inglesa após três meses. Mais de 365 mil voluntários foram avaliados. O artigo, ainda em pré-print, ou seja, sem revisão por pares, descreve as três fases de um estudo realizado na Inglaterra para medir a parcela da população que já teve contato com o vírus e apresenta anticorpos no sangue.


A queda de anticorpos na população, segundo os autores, sugere perda da imunidade contra o novo coronavírus em poucos meses, mas não se sabe ainda com certeza quanto tempo e como dura a resposta protetora ao Sars-CoV-2 no organismo. Realizadas nos meses de junho a setembro, as três etapas consistiram na autoavaliação, por meio de teste rápido, de 100 mil, 106 mil e 159 mil ingleses, respectivamente. Do total de voluntários analisados, 17.576 tiveram anticorpo IgG (imunoglobulina G, associada à defesa de memória) positivo nos testes.


Separadamente, a prevalência de anticorpos para Covid-19 nas três fases foi 6%, 4,8% e 4,4%, respectivamente, com intervalo de confiança de 95%. Comparando as três etapas, houve uma queda na taxa de anticorpos, medida pela titulação dessas proteínas no sangue total, de 26,5%. Segundo os pesquisadores, a queda na taxa de anticorpos do tipo IgG observada entre as três rodadas do estudo evidencia a diminuição na chamada “imunidade coletiva” no país, que pode estar relacionada ao aumento de novos casos a partir de setembro.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com