32 C°

segunda-feira, 30 de março de 2020.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

Colunista - Macário Batista

Esquisitice

quarta-feira, 25 de março 2020

No Icó apareceu um ônibus fantasma. A polícia na delegacia descobriu que era pirataria. Aí, o povo do Iguatu descobriu mais dois ônibus estranhos na cidade. Denunciados os motoristas, sozinhos e com os veículos vazios entregaram a “mercadoria”. Eram piratas, sim. Tinham vindo de São Paulo para o Nordeste. Os achados em Iguatu, segundo seus pilotos, deixaram as lotações no Piauí. Os do Icó não se sabe. Até ontem não tinha aparecido ninguém chiando nem com radinho de pilha no ouvido. A moda agora é celular de cinco mil contos que fala sozinho como mundo todo. Pois bem. A Polícia Rodoviária Federal anda querendo apoio do povo e das polícias estaduais para barrar esse tipo de coisa. Venha de onde vier as pessoas têm obrigação de dizer de onde vêm para onde vão e o porque de suas viagens. Isso é comum? Não! Sabemos que não estamos vivendo um tempo comum. E mais: contaminar familiares, amigos, parceiros é crime de falta de respeito. Falta de respeito é crime, sim. Como por exemplo o governador do Ceará que conhece os problemas de seu Estado pede pra proibir voos daqui e pra cá da Europa e dos Estados Unidos e o Governo Federal manda dizer: só nós podemos proibir. Se isso não é crime, será no mínimo cretinice e um cretino é pior que… cê sabe. Não politize, mas vá guardando essas coisinhas que em breve poderão servir para balisar seu voto. Menos dos imbecis, claro.

Benza Deus! O Castanhão recebeu, na semana, o que seria um açude Forquilha de recarga. Hoje o Castanhão teria 7% de sua capacidade de armazenamento de água. Tá longe de encher, de sangrar, mas tá muito melhor de expectativa do que nós que oramos contra o corona. A foto está na internet e é do jornalista Honório Barbosa.

Eu ouvi
Nem os aliados da estupidez fizeram coro à idiotice do deputado estadual Delegado Cavalcante que chegou a dizer, na sessão virtual da Assembleia, que poderia haver uma greve branca de policiais. Tinha ar de sugestão.
Raivoso
Delegado Cavalcante é um raivoso defensor do Presidente da República que ele traz ao banco de dados sob qualquer pretexto. Se um rato morrer atropelado por estar na rua, é perseguição ao presidente dele. Uma paixão esquisita.
Ivo fechou
O Prefeito de Sobral mandou montar barreira física no entorno do mercado municipal da cidade onde o povo, trabalhador e sem ter o que fazer, costuma passar o dia, muitas vezes esperando uma xepa. E foi às redes: “Pela amor de Deus não saiam de casa”.
Não adianta
Sobral tem hoje perto de 50 mil universitários. Isso muda, pelo menos deveria, o juízo da cidade. Diabo é que uma vez Flamengo, sempre Flamengo. O povo está nas ruas espalhando o tal corona como quem toma caldo de cana com pastel.
Pobre
Cidadão reclamou porque a Caixa, detentora dos direitos de bancar o jogo no Brasil, suspendeu por três meses a Loteria Federal. Calma, gente! Ainda tem mega sena, quina, totoloto, raspadinha… o que mais? Sim, e o jogo do bicho que aqui, pode.
Aliás…
O jogo do bicho no Ceará prestava um grande serviço social. Todos os apontadores e funcionários em todos os níveis tinham até dentistas pra suas famílias. Aí mandaram vir pra cá um tal de gravatinha, um delegado que diz que falava oito línguas.
Perseguiu e fechou
Ele botou na cabeça, ou botaram na cabeça dele que tinha que fechar o Paratodos. Fechou. Fez e aconteceu. Foi embora. No outro dia o jogo do bicho estava oficializado com respaldo da loteria estadual e hoje “corre” na televisão e no rádio.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com